Governo Bolsonaro deve limitar saques de contas do FGTS a R$ 500

O objetivo do governo é incentivar o consumo e impulsionar a economia

Por: Redação | Comunicar erro

Pressionado pelo setor da construção civil, a equipe econômica do governo Bolsonaro estuda limitar os saques de contas inativas do FGTS (Fundo de Garantia do Tempo de Serviço) a R$ 500 em 2019.

Com isso, um trabalhador que tem três contas poderia, por exemplo, sacar R$ 1,5 mil.

Crédito: Pollyana Ventura / iStockA previsão é que a medida resulte na injeção de R$ 30 bilhões na economia

A medida seria um pedido das empresas da construção civil que temem perder financiamento, já que parte do dinheiro do FGTS é usado para financiar novos empreendimentos.

De acordo com a Folha, o  ministério da Economia também impor um limite para liberação do saldo. “O percentual de 35% chegou a ser cogitado para contas com saldo de até R$ 5 mil, mas agora pode ser aplicado para contas com montantes menores”, diz o jornal.

O governo deve anunciar as regras para o saque das contas inativas do FGTS nesta quarta-feira, 24.

O objetivo é incentivar o consumo e impulsionar a economia. Embora o valor ainda não esteja fechado, a previsão da equipe econômica é que a medida resulte na injeção de R$ 30 bilhões na economia.

Governo Temer

Na gestão de Michel Temer, em 2016, o governo liberou os saques em contas inativas. Agora, além das inativas, a equipe estuda também o saque das contas ativas, ou seja, vinculadas ao atual emprego do trabalhador e que está recebendo depósitos.

No caso das contas ativas, uma das ideias é liberar saques proporcionais, de acordo com informações do “Estadão”. Quem tem até R$ 5 mil no fundo, poderia pegar 35% do saldo; já os trabalhadores com até R$ 10 mil no FGTS teriam autorização para sacar 30%. Não se sabe, porém, qual parcela terá direito quem tem entre 10 mil reais e R$ 50 mil. Já acima de R$ 50 mil, o trabalhador só poderia sacar 10% do saldo total.

Como consultar seu saldo do FGTS

Para consultar o saldo do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS), o trabalhador pode acessar por meio do site da Caixa ou do próprio FGTS. Também é possível entrar através de aplicativo para smartphones e tablets (com versão para Android, iOS e Windows) ou fazer um cadastro para receber informações do FGTS por mensagens no celular ou por e-mail.

1 / 8
1
04:47
Entenda como o fogo na Amazônia virou uma crise internacional
O fogo que consome a Amazônia, maior floresta tropical do mundo, já representa 52,5% de todas as queimadas registradas no …
2
02:58
Como se prevenir de doenças
Você sabe o que são as doenças crônicas não transmissíveis? Hoje, a Dra. Aline Oliveira, médica de família, fala sobre ações …
3
03:13
Kinoplex: o cinema sem defeitos em São Paulo!
Quem disse que cinema de shopping é tudo igual? São Paulo acaba de ganhar um espaço exclusivo, com seis salas …
4
08:59
Vinicius Poit defende Salles como ministro do Meio Ambiente
O deputado federal Vinicius Poit (NOVO-SP) defendeu a permanência de Ricardo Salles como ministro do Meio Ambiente no Governo Bolsonaro. …
5
02:28
Quais são os sintomas que são gerados pelo estresse?
Com a correria do dia-a-dia somos facilmente pegos pelo estresse. E o nosso corpo indica sinais de que estamos fisicamente …
6
03:52
Surge o BolsoLula: os mesmos vícios da velha política brasileira
No vídeo, o jornalista Gilberto Dimenstein explica o conceito da expressão 'BolsoLula' e analisa as consequências da interferência política exercida …
7
04:15
Como os Beatles mudaram minha vida: parte 1
Como seria o mundo sem a inovação e energia que a música ganhou pós-Beatles. Imaginou? E se as pessoas também …
8
03:02
Jair Bolsonaro é louco, ignorante ou irresponsável?
O presidente Jair Bolsonaro fez um pronunciamento nesta quarta-feira, 21, apontando que ONGs poderiam estar por trás das queimadas na …