Homem é preso suspeito de queimar cavalos vivos no Pará

Um cavalo vivo agonizava no momento do resgate na fazenda onde os animais foram encontrados carbonizados

cavalo
Crédito: Divulgação PCO caso foi descoberto após ser denunciado por uma ONG de proteção animal

Um suspeito de queimar cavalos vivos foi preso na sexta-feira, dia 8 de novembro, em Tucuruí, no Pará. Os animais estariam sendo mortos em uma fazenda.

Ao chegar na propriedade rural, os policiais encontraram corpos de cavalos carbonizados, além de um animal vivo, com queimaduras de 2º e 3º graus em todo o corpo, inclusive na cabeça. O caso foi descoberto após ser denunciado por uma ONG de proteção animal.

O cavalo, encontrado agonizando, foi resgatado e levado para um centro de recuperação. Ele está internado em estado grave.

Confira o final desta história e outras notícias inspiradoras sobre animais na ANDA (Agência de Notícias de Direitos Animais).

Compartilhe:

Este conteúdo - assim como as respectivas imagens, vídeos e áudios - é de responsabilidade do usuário ANDA

A Catraca Livre disponibiliza espaço no site para que qualquer interessado possa contribuir com cidades mais acolhedoras, educadas e criativas, sempre respeitando a diversidade de opiniões.

As informações acima são de responsabilidade do autor e estão sujeitas a alterações sem aviso prévio.