Maia quer reunir líderes para articular reforma da Previdência

Reunião deve acontecer neste sábado, 5, visando aprovação da reforma da Previdência antes do recesso parlamentar

Por: Redação | Comunicar erro

Após provação do relatório da reforma da Previdência, avaliado por comissão especial da Câmara dos Deputados na última quinta-feira, 4, Rodrigo Maia (DEM-RJ), presidente da Casa, ensaia os próximos passos sobre o tema.

Pelo Twitter, Maia adiantou que o texto deve ser discutido no plenário já na próxima terça-feira, 9, visando a aprovação antes do recesso parlamentar, marcado para o próximo dia 18. “A Câmara deu hoje um importante passo. Esta foi a nossa primeira vitória e, a partir da próxima semana, vamos trabalhar para aprovar o texto em plenário, com muito diálogo, ouvindo todos os nossos deputados, construindo maioria”.

Crédito: Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência BrasilRodrigo Maia articula votos para aprovar reforma da Previdência antes do recesso (Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil)

A agilidade no processo leva conta o regimento da Câmara, que estabelece um prazo de duas sessões após conclusão da votação na comissão especial.

Segundo suas contas, Maia acredita possui os votos necessários para aprovar a reforma no plenário. A expectativa é que a medida seja aprovada por ao menos 325 deputados.

Próximos passos

Aprovada na comissão especial, a proposta seguirá para o plenário da Câmara, onde será especulada em dois turnos de votação. Por se tratar de uma proposta de emenda à Constituição (PEC), o texto depende da aprovação de três quintos dos deputados – ou ao menos 308 votos favoráveis.

No Senado, o texto segue para análise onde deve ser apreciado, também em dois turnos, dependendo da aprovação de, ao menos, 49 senadores.

Maia quer reunir líderes de partidos para aprovar previdência

Nesta sexta-feira, 5, Maia declarou que pretende reunir “três, quatro líderes” neste sábado para começar a organizar a votação no plenário. A informação foi revelada ao programa Pânico, da Jovem Pan.

O presidente da Câmara afirmou na entrevista à emissora que a reunião deste sábado servirá para articular a votação e contar os votos favoráveis no plenário.

Na madrugada desta sexta, após 16 horas de reunião, a comissão especial que tratava do assunto concluiu as votações e aprovou o parecer do relator Samuel Moreira (PSDB-SP).

1 / 8
1
03:46
‘Pretendo beneficiar um filho meu, sim’ diz Bolsonaro sobre embaixada
Em uma transmissão ao vivo pelas redes sociais, o presidente Jair Bolsonaro voltou a defender a nomeação de seu filho, …
2
03:15
Num ato de coragem, MBL pede desculpas publicamente
O jornalista Gilberto Dimenstein e a Catraca Livre já foram diversas vezes vítimas das milícias digitais do MBL com as …
3
03:04
O real motivo do ataque de Bolsonaro ao filme de Bruna Surfistinha
Jair Bolsonaro decidiu atacar o filme realizado por Deborah Secco sobre a ex-prostituta Bruna Surfistinha. Motivo oficial: o filme, usando …
4
02:13
Entenda os desdobramentos do caso Tabata Amaral no PDT
O PDT suspendeu a deputada federal Tabata Amaral e outros sete parlamentares que votaram a favor da reforma da Previdência, …
5
02:03
Incêndio em estúdio de animação em Japão deixa dezenas de mortos
Dezenas de pessoas morreram durante um incêndio criminoso que tomou conta do estúdio de animação da Kyoto Animation, na cidade …
6
02:19
Barragem abandonada corre risco de rompimento no interior de SP
Uma matéria publicada pelo G1 alerta para o risco de rompimento da barragem de água em Iaras, no interior de …
7
02:30
O que significa a gargalhada de Caetano Veloso?
Um vídeo do cantor Caetano Veloso gargalhando está viralizando nas redes sociais. O motivo da piada é a entrevista que …
8
01:51
Site ‘Não me Perturbe’ permite bloquear ligações de telemarketing
A Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) lançou o Não me Perturbe, site que permite bloquear ligações de telemarketing. O sistema …