Últimas notícias:

Loading...

Moro bajula família Bolsonaro e critica revista Época: ‘Faltou ética’

O ministro ainda prestou solidariedade a Eduardo Bolsonaro e sua esposa

Por: Redação

O ministro da Justiça Sergio Moro usou o Twitter hoje para bajular a família Bolsonaro e criticar a reportagem da revista Época sobre o trabalho de coaching de Heloísa Bolsonaro, esposa do deputado Eduardo Bolsonaro (PSL-SP).

moro bolsonaro época ética
Crédito: Marcelo Camargo/Agência BrasilMoro bajula família Bolsonaro e critica revista Época: ‘Faltou ética’

Moro afirmou que é “um grande defensor da liberdade de expressão e de imprensa”, mas que “a matéria em questão realmente ultrapassou certos limites éticos”. O ministro compartilhou a publicação do general Augusto Heleno, que chefia o Gabinete de Segurança Internacional, e que também questionou a ética jornalística da publicação.

Realizada pelo jornalista João Paulo Saconi, a reportagem revista Época dá detalhes de um mês de sessões de coaching online sobre autoconhecimento feitos com Heloísa. Heloísa fala de Eduardo como um de seus “cases de sucesso”, além de Citar Olavo de Carvalho e outros nomes amados pelo bolsonarismo.

Sem saber que Saconi era jornalista, ela teria defendido a nomeação do marido como embaixador em Washington e comentado supostas irregularidades em financiamentos do BNDES. O repórter também afirma que recebeu de Heloísa a indicação para acompanhar veículos, blogs e personalidades que apoiam o bolsonarismo, como Terça Livre, Renova Mídia e Filipe G. Martins (assessor especial da Presidência para assuntos internacionais).

O curso de autoconhecimento custa R$ 1.350 e é o mais barato oferecido pela esposa do deputado.

Compartilhe: