Homem é preso após ejacular em mulher dentro de ônibus no Rio

Informar

MP identifica tipo físico de assassino de Marielle Franco

Descoberta foi feita por meio de programas de computador de alta tecnologia

Por: Redação | Comunicar erro

Quase sete meses após o assassinato de Marielle Franco e Anderson Gomes, o Ministério Público Estadual anunciou na manhã desta quinta-feira, 11, a descoberta do biotipo de um dos participantes do crime cometido em março deste ano, na região central do Rio de Janeiro.

A evidência foi concluída por meio de programas de computador de alta tecnologia, que, além das características do atirador, também detectou novos locais por onde percorreu o veículo usado pelos criminosos.

Apesar disso, as informações não foram divulgadas à imprensa por conta da “importância do sigilo para que linhas de investigação não sejam prejudicadas e o trabalho possa resultar em uma conclusão correta para punição de todos os envolvidos”.

Marielle Franco
Marielle Franco e o motorista Anderson Gomes foram assassinada no centro do Rio de Janeiro, em março deste ano 

Em meio à investigação, os promotores que atuam no caso também estiveram no Presídio Federal de Mossoró para ouvir o preso Orlando Curicica, apontado como um dos principais nomes envolvidos no caso. Na busca por respostas, o MPRJ contou com o apoio da procuradora-geral da República, Raquel Dodge, que compartilhou o depoimento prestado por Curicica aos procuradores federais.

Ainda no anúncio, os promotores da 23ª Promotoria de Investigação Penal e do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco/MPRJ) esclareceram que os avanços das apurações são repassados aos familiares das vítimas./Com informações do jornal Extra. 

Irmã de Marielle relata agressão por apoiadores de Bolsonaro

Compartilhe: