Museu de Nova York cancela evento que homenagearia Bolsonaro

Museu aceitou reserva sem saber quem era o homenageado

Por: Redação

O Museu da História Natural em Nova York, decidiu cancelar, nesta segunda-feira, 15, o evento em que seria realizada homenagem ao presidente Jair Bolsonaro, pela Câmara de Comércio Brasil-Estados Unidos.

Crédito: Agência BrasilMuseu de Nova York cancela evento que homenagearia Bolsonaro

O evento que quer premiar Bolsonaro como “Pessoa do Ano”, terá de procurar outro espaço para acontecer. O museu publicou em seu Twitter: “com respeito mútuo pelo trabalho e pelos objetivos de nossas organizações individuais, concordamos em conjunto que o Museu não é o local ideal para o jantar de gala da Câmara de Comércio Brasil-EUA. Este evento tradicional terá lugar em outro local na data e hora originais”.

Em uma série de postagens em português feitas no domingo,14, o museu afirmou estar avaliando a questão.

“A reserva do museu para a realização do evento externo, privado, em homenagem ao atual presidente do Brasil, foi feita antes que se soubesse quem seria o homenageado. Estamos profundamente preocupados, e estamos avaliando nossas opções. Também queremos deixar claro que o Museu não convidou o Presidente Bolsonaro; ele foi convidado como parte de um evento externo. No entanto, estamos profundamente preocupados com os objetivos declarados da atual administração brasileira, e estamos trabalhando ativamente para entender nossas opções relacionadas a este evento”, publicou o Museu em sua conta oficial”.

Compartilhe: