Número de mulheres eleitas aumenta na Câmara e nas Assembleias

Pela primeira vez uma mulher indígena foi eleita para a Câmara dos Deputados; Já São Paulo escolheu a primeira pessoas trans para a Assembleia Legislativa

Por: Redação | Comunicar erro
Joenia Wapichana e Erica Malunguinho
Crédito: Reprodução / FacebookA indígena Joenia Wapichana (Rede) foi eleita deputada federal por Roraima; Em São Paulo, a trans Erica Malunguinho (PSOL) conseguiu o cargo na Assembleia Legislativa

O número de mulheres eleitas para a Câmara e para as Assembleias aumentou de forma geral, de acordo com dados do Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Ao mesmo tempo, a quantidade de representantes escolhidas para o Senado se manteve sem alteração.

Na Câmara dos Deputados, o número de eleitas cresceu 51% em relação a 2014: passou de 51 para 77 representantes neste ano, que ocuparão 15% das 513 vagas disputadas. Mesmo com o aumento, três estados não elegeram mulheres para o cargo: Amazonas, Maranhão e Sergipe.

Os partidos com mais mulheres eleitas para a Câmara são: PT, com 10 deputadas, PSDB, com 9, e PSL, com 7. As demais estão em quase vinte outros partidos.

Nestas eleições, um fato histórico aconteceu: pela primeira vez uma mulher indígena foi eleita para o cargo na Câmara, em mais de 190 anos de existência da Casa. A candidata Joenia Batista de Carvalho, a Joenia Wapichana, da Rede, foi escolhida por Roraima.

No caso dos deputados estaduais, as mulheres somam 15% dos eleitos. Foram 161 deputadas, um aumento de 35% em comparação a 2014. No entanto, no caso do Mato Grosso do Sul, por exemplo, dos 24 deputados estaduais eleitos, nenhum é mulher.

Em São Paulo, foi eleita a primeira pessoas trans na Assembleia Legislativa, em mais de 180 anos de existência da Casa. A candidata Erica Malunguinho da Silva, do PSOL, teve 55.223 mil votos.

No Senado Federal, a quantidade se manteve: sete mulheres foram eleitas, o que representa cerca de 13% das 54 vagas em disputa. Na última eleição na qual 2/3 do Senado foram renovados, em 2010, também foram sete mulheres. Apesar disso, em 20 estados nenhuma mulher foi eleita para o Senado.

Representatividade feminina

Ainda que tenha ocorrido um crescimento na representatividade feminina no legislativo, a proporção de mulheres ainda é muito abaixo da realidade da população brasileira, em que 50% das pessoas são do gênero feminino. Por isso, muitas campanhas foram criadas em 2018 para melhorar o número de eleitas.

A lei eleitoral brasileira exige, desde 1997, que os partidos e as coligações respeitem a cota mínima de 30% de mulheres na lista de candidatos para a Câmara dos Deputados, a Câmara Legislativa, as Assembleias Legislativas e as Câmaras municipais.

Acompanhe outros conteúdos ligados às eleições deste ano nesta página especial

Compartilhe:

1 / 8
1
11:47
Não é Não: tatuagens contra o assédio no Carnaval
Luka Campos, idealizadora da campanha Não é Não, foi a convidada pelo programa Entrevista por Catraca Livre desta semana para …
2
01:40
Desvio em fundos de incentivo para mulheres
O Supremo Tribunal Federal e Tribunal Superior Eleitoral determinaram que 30% dos fundos públicos de financiamiento de campanhas sejam destinados …
3
15:17
Sai Jean Wyllys, entra David Miranda
David Miranda, substituto de Jean Wyllys como deputado federal, é o convidado de estreia do programa Entrevista por Catraca Livre. …
4
01:37
Saiba o que muda com o novo decreto de posse de armas
Conforme prometido durante a campanha eleitoral, o presidente Jair Bolsonaro assinou o decreto que flexibiliza a posse de armas no Brasil. …
5
01:27
Rosa para meninas e azul para meninos?
Ao longo da história muita coisa mudou, inclusive a forma como meninos e meninas eram vestidos. No século XVIII, por …
6
01:38
O que é e o que faz o COAF?
O Conselho de Controle de Atividades Financeiras é um órgão de inteligência do governo federal, criado em 1998, para combater …
7
01:51
Brumadinho e a situação das barragens de rejeito no Brasil
De acordo com informações da Agência Nacional de Água (ANA), existem mais de 24 mil barragens no Brasil. Desse total, …
8
01:37
Saiba o que muda com o novo decreto de posse de armas
Conforme prometido durante a campanha eleitoral, o presidente Jair Bolsonaro assinou na manhã desta terça-feira, 15, o decreto que flexibiliza a …