Organização recomenda velocidade inferior a 50 km/h nas vias

Por: Redação

A Organização Pan-americana de Saúde (Opas) publicou um relatório sobre segurança no trânsito no qual recomenda que os países adotem uma velocidade igual ou inferior a 50 km/h para diminuir o número de mortes no trânsito.

De acordo com a Brasileiros, a recomendação foi feita em resposta ao cenário das Américas: cerca de 154 mil pessoas morreram por lesões relacionadas ao trânsito em 2013. O número de mortes nesses países representa 12% do total de mortes relacionadas ao trânsito no mundo.

Reprodução/Flickr
São Paulo se tornou uma das cidades que adotou a redução da velocidade nas vias

A Organização ressalta que o aumento da velocidade também induz a uma maior probabilidade de acidentes e da gravidade de suas consequências, principalmente aos pedestres, ciclistas e motociclistas.

Segundo o estudo, um pedestre tem menos de 20% de chance de morrer se for atropelado por um carro que circula a menos de 50 km/h, mas cerca de 60% de possibilidade se o mesmo ocorrer a 80 km/h.

As mortes entre motociclistas foram as que mais cresceram no continente americano: passaram de 15% para 20% entre 2010 e 2013.

São Paulo

Em julho de 2015, São Paulo se tornou uma das cidades que adotou a redução da velocidade nas vias. Após um ano, a medida já havia contribuído para uma queda de 38,7% nos acidentes com vítimas nas marginais. O trânsito diminuiu 8,7%.

Também o número de acidentes, segundo a CET, caiu de 608 no primeiro semestre de 2015 para 380 no mesmo período esse ano.

Leia aqui o texto na íntegra.

Compartilhe:

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.