Publicidade

Informar

Petição contra nomeação de Cristiane Brasil tem 60 mil apoiadores

Por Change.org

Por: Change.org (Oficial) | Comunicar erro
...
Publicidade

Uma série de escândalos envolvendo a deputada federal Cristiane Brasil (PTB-RJ), cotada para assumir o Ministério do Trabalho pelo presidente Michel Temerimpulsionou um abaixo-assinado exigindo que ela não seja nomeada para o cargo.

Até esta segunda (5 de fevereiro), mais de 60 mil pessoas haviam assinado a mobilização “Não queremos uma condenada na Justiça como ministra do Trabalho”. Criada pela estudante Naiara Santos na Change.org, a petição afirma que a deputada “foi condenada a pagar R$ 60,4 mil a seus ex-empregados por desrespeitar os direitos deles”.

Crédito: Geraldo MagelaA deputada Cristiane Brasil; nomeação para Ministério do Trabalho foi barrada

Leia a petição: www.change.org/CristianeBrasil

Cristiane é filha de Roberto Jefferson (presidente do PTB), e está sendo investigada em um inquérito sobre associação para o tráfico de drogas, de acordo com notícia publicada no portal G1.

O Planalto tenta garantir a nomeação de Cristiane Brasil desde o início de janeiro, mas o caso foi barrado seguidas vezes pela Justiça. A deputada teve duas condenações por dívidas trabalhistas, e houve entendimento dos magistrados que a nomeação da deputada federal “fere o princípio da moralidade administrativa”.

O Supremo Tribunal Federal (STF) chegou a suspender a posse de Cristiane Brasil no dia 22 de janeiro, acatando um pedido de liminar que afirmava que uma decisão favorável do Superior Tribunal de Justiça (STJ), emitida dias antes, teria “usurpado a competência do STF”, por ser um processo de natureza constitucional.

No último domingo (4), o Fantástico, da TV Globo, exibiu uma gravação em que a deputada ameaça funcionários públicos e cobra que eles obtenham votos para ela na eleição de 2014. “Se eu perder a eleição de deputada federal (…) eu preciso de 70 mil votos. Eu fiz quase 30 [mil votos]. Agora são 70 mil. No dia seguinte, eu perco a secretaria. No outro dia, vocês perdem o emprego.”

Comentários
Mais de 1.100 pessoas fizeram comentários no abaixo-assinado sobre a tentativa de nomeação da ministra, a maioria deles indignados. Kleber Furlan, de Salto de Pirapora, afirma: “Quem não respeita as leis dos trabalho não pode nos representar no Ministério do Trabalho”.

A deputada Cristiane Brasil gravou vídeo em sua defesa, que foi publicado no Facebook

Há algumas semanas, Cristiane Brasil gravou um vídeo em sua defesa que viralizou nas redes sociais. Com relação aos seus ex-empregados que a processaram, a deputada federal afirma que “todo mundo tem direito de pedir qualquer coisa na Justiça” e que “não achava que tinha nada a dever para essas duas pessoas” que entraram com ações contra ela na Justiça do Trabalho.

Compartilhe:

Publicidade
Autor: Change.org Brasil

O site para você mudar o que quiser. São 230 milhões de pessoas fazendo a diferença em 196 países — 12 milhões só no Brasil. Instagram: www.instagram.com/changeorg_br/

Termos da rede:

Este conteúdo - assim como as respectivas imagens, vídeos e áudios - é de responsabilidade do usuário Change.org Brasil da Rede Catraca.

O Catraca Livre disponibiliza espaço no site para que qualquer interessado possa contribuir com cidades mais acolhedoras, educadas e criativas, sempre respeitando a diversidade de opiniões.

As informações acima são de responsabilidade do autor e estão sujeitas a alterações sem aviso prévio.

Publicidade

Você sabe o que é feminicídio?

O restaurante de comida havaiana do ex-masterchef Ravi

Conheça o lavandário de Cunha

ASMR: O fenômeno do "orgasmo mental"

Publicidade