Polícia indicia Gusttavo Lima por aumentar represa sem licença

Por: Redação | Comunicar erro

Nesta quarta-feira, 28, a Polícia Civil de Goiás indiciou o cantor Gusttavo Lima e mais três pessoas por crime ambiental.

Em entrevista ao portal G1, o delegado Luziano de Carvalho, da Delegacia Estadual de Repressão a Crimes Contra o Meio Ambiente, revelou que o cantor aumentou a represa localizada em sua fazenda na cidade de Bela Vista de Goiás, sem qualquer licença para a mudança.

Segundo apuração da polícia, a represa tem tamanho equivalente a três hectares e a intenção era aumentá-la para quatro.

Divulgação/Assessoria
Em nota, assessoria nega indiciamento do cantor

No entanto, o projeto foi realizado mesmo sem autorização da Secretaria do Meio Ambiente, Recursos Hídricos, Infraestrutura, Cidades e Assuntos Metropolitanos (Secima). “O Batalhão Ambiental foi ao local por duas vezes, uma no fim de 2017 e outra já neste ano, e, em ambas, encontrou máquinas trabalhando no local. Foram feitas duas ocorrências e, apesar de terem um protocolo com o pedido da licença, o documento não havia sido expedido”. A represa, segundo o delegado, estava sendo ampliada por motivo de lazer dos proprietários.

O cantor, o administrador Jorge Pedro Kunzler, a esposa dele, a arquiteta Alessandra Jardim Lobo, e o biólogo Luciano Lozi responderão pelo crime previsto no artigo 60 da Lei 9.605, que refere-se à construção ou ampliação de obras potencialmente poluidoras sem autorização dos órgãos competentes. A pena pode variar de um a seis meses ou multa.

Em nota, a assessoria de imprensa se manifestou sobre o caso e alegou que “as obras estão paralisadas, até tudo seja devidamente esclarecido”.

– Não houve indiciamento, por não ter havido a conclusão do inquérito.

– Toda documentação necessária foi entregue ao delegado titular do inquérito.

– O pedido de licença ambiental já foi protocolado há algum tempo.

– Há de se constatar por perícia que não houve nenhum tipo de dano ambiental, e sim uma limpeza em área permitida.

Compartilhe:

1 / 8
1
04:53
Netflix e KondZilla lançam ‘Sintonia’, da periferia para o mundo
KondZilla tem razão quando afirma: "A favela venceu". “Sintonia”, a nova série da Netflix, prova isso. A ideia original é dele …
2
04:21
Sinais que indicam problemas no estômago
Ter tosse seca pode ser um sinal que o seu estômago não vai muito bem. Hoje, o Dr. Raul Cutait, médico …
3
03:43
O estrago de Frota é maior que o Bolsonaro poderia acreditar
Após ser expulso do PSL, o deputado federal Alexandre Frota confirmou sua filiação ao PSDB, partido de João Doria, governador …
4
03:03
Câmara aprova projeto de lei sobre abuso de autoridade
A Câmara dos Deputados aprovou o projeto de lei que define quais situações configuram abuso de autoridade. Agora, o texto …
5
04:07
Um pedido de desculpas à Angela Merkel pelas ofensas de Bolsonaro
Depois de dizer a um repórter que ele deveria fazer cocô dia sim, dia não para preservar o meio ambiente, …
6
03:26
Mortes provocadas pelo fim dos radares deveriam ter nome de Bolsonaro
O presidente Jair Bolsonaro determinou nesta quinta-feira, 15, a suspensão dos radares de fiscalização de velocidade móveis em rodovias federais …
7
04:56
‘Risk’, na Netflix, vaza a imagem não autorizada de Julian Assange
Será que, em um ato de coragem, você arriscaria sua própria liberdade para trazer à tona realidades que manipulam a …
8
07:44
Saiba tudo sobre os métodos anticoncepcionais
Prevenção é essencial quando o assunto é relação sexual. Hoje, há outros modos de prevenção que vão além da pílula e …