Silas Malafaia ataca candidatos às eleições de outubro no Twitter

Às vésperas das eleições municipais, pastor Silas Malafaia ataca candidatos às prefeituras do Rio de Janeiro, São Paulo, Porto Alegre, Cuiabá, entre outras cidades

Por: Redação | Comunicar erro

Líder da Assembleia de Deus Vitória em Cristo, o pastor Silas Malafaia já teve o nome associado a supostos desvios de dinheiro, foi considerado um dos pastores mais ricos do Brasil e protagonizou declarações polêmicas sobre sexualidade, religião e muito mais.
Ele volta a ser notícia depois de publicar vídeos nas redes sociais, onde pede que seus seguidores não votem em diversos candidatos às prefeituras de quatro capitais e outras duas cidades do Rio de Janeiro.

Entre os alvos dos ataques estão, sobretudo, nomes ligados à política de esquerda: no Rio, São Paulo, Porto Alegre, Cuiabá, Niterói (RJ) e Nova Friburgo (RJ). Já foram mencionados, desde o final de semana, os candidatos Marcelo Freixo (PSOL), Jandira Feghali (PC do B) e Alessandro Molon (Rede).

Na última segunda, 19, e esta terça, 20, novos vídeos atacam o atual prefeito de São Paulo, Fernando Haddad (PT) e seus concorrentes Marta Suplicy (PMDB) e Luiza Erundina (PSOL); Luciana Genro (PSOl) e Raul Pont (PT), de Porto Alegre; Procurador Mauro (PSOL), de Cuiabá; Rodrigo Neves (PV), de Niterói; e Glauber Braga (PSOL), de Nova Friburgo.

Em suas reflexões contra os candidatos, ele repete argumentos como defesa ao governo federal petista e se apoia, principalmente, no que chama de “princípios não-cristãos”, citando questões como ideologia de gênero, liberalização do aborto, descriminalização das drogas, casamento gay e outras pautas progressistas.

Apesar dos esforços de Malafaia, a campanha contra os candidatos parece não estar dando muito certo, como mostram as reações na internet:

Compartilhe:

1 / 8
1
08:30
Intercept: os principais pontos do depoimento de Moro no Senado
O ministro da Justiça, Sergio Moro, prestou esclarecimentos em audiência na CCJ (Comissão de Constituição e Justiça do Senado) sobre …
2
04:04
E se Carlos Bolsonaro fosse gay?
O ex-deputado Jean Wyllys fez uma série de posts em sua rede social apontando que Carlos Bolsonaro, o filho 02 …
3
03:02
Empresas usaram disparos no WhatsApp durante eleição de Bolsonaro
Uma reportagem publicada pela Folha de S. Paulo mostra que empresas brasileiras contrataram uma agência de marketing na Espanha para …
4
01:49
Senado diz não e derruba o decreto de armas de Bolsonaro
O Senado votou na terça-feira, 18, o parecer que pede pela suspensão dos decretos que flexibilizam o porte e a …
5
03:54
Bancada do PSL passa vergonha ao convocar e desconvocar Glen Greenwald
O deputado federal Daniel Silveira (PSL-RJ) apresentou na quarta-feira, dia 12, um requerimento na Comissão de Segurança Pública da Câmara …
6
03:48
O melhor jornal do mundo faz a pior reportagem para Bolsonaro
Essa é a pior reportagem já publicada num jornal estrangeiro contra Jair Bolsonaro. Por dois motivos: saiu no mais importante …
7
03:47
A estranha conexão entre o caso Najila Trindade e Sérgio Moro
O jornalista Gilberto Dimenstein publicou em sua coluna no site Catraca Livre um texto em que conecta dois casos de …
8
03:04
Entendas os possíveis impactos do vazamento das mensagens de Moro
O site The Intercept Brasil divulgou trechos de mensagens trocadas entre o então juiz Sérgio Moro, atual ministro da Justiça, …