Surto de febre amarela pode ter relação com desastre de Mariana

Ao Estadão, a bióloga da Fiocruz Márcia Chame explicou a relação entre os casos e a tragédia

Por: Redação | Comunicar erro
Crédito: Antonio Cruz/ Agência BrasilOs casos coincidem com regiões afetadas pela tragédia de Mariana

A bióloga da Fiocruz Márcia Chame afirmou, em entrevista ao Estadão, que o aumento de casos suspeitos de febre amarela em Minas Gerais pode ter relação com a tragédia de Mariana, ocorrida em novembro de 2015.

Segundo a especialista, grande parte das cidades mineiras que identificaram casos de pacientes com sintomas da doença está localizada na região próxima ao Rio Doce, afetado pelo rompimento da Barragem de Fundão, da Samarco.

“Mudanças bruscas no ambiente provocam impacto na saúde dos animais, incluindo macacos. Com o estresse de desastres, com a falta de alimentos, eles se tornam mais suscetíveis a doenças, incluindo a febre amarela.Isso pode ser um dos motivos que contribuíram para os casos. Não o único”, explicou a bióloga.

Veja também:

Ainda de acordo com Chame, essa região do estado já sofria o impacto ambiental provocado pela mineração, então, isso tudo seria consequência de um um conjunto de coisas que vão se acumulando.

Também foram notificadas mortes de macacos na região próxima de Colatina, cidade no Espírito Santo afetada pelo desastre. No entanto, não há comprovação de que os macacos morreram por febre amarela.

“Ambientes naturais estão sendo destruídos. No passado, o ciclo de febre amarela era mantido na floresta. Com a degradação do meio ambiente, animais acabam também ficando mais próximos do homem, aumentando os riscos de contaminação”, disse a bióloga.

Veja o conteúdo na íntegra.

  • Leia mais:

Compartilhe:

1 / 8
1
08:52
Machismo em escolas de samba
Carolina Ribeiro, musa da Unidos de Vila Maria, na zona norte de São Paulo, é a convidada do programa Entrevista …
2
02:06
Como ajudar outras mulheres no Carnaval
O Carnaval chegou e para evitar que algumas coisas chatas e sérias estraguem a sua folia, separamos algumas dicas para …
3
00s
Quem foi Chico Mendes?
Chico Mendes nasceu em Xapuri, no Acre, em uma família de seringueiros, ofício que herdou de seu pai. Ao longo …
4
11:47
Não é Não: tatuagens contra o assédio no Carnaval
Luka Campos, idealizadora da campanha Não é Não, foi a convidada pelo programa Entrevista por Catraca Livre desta semana para …
5
01:40
Desvio em fundos de incentivo para mulheres
O Supremo Tribunal Federal e Tribunal Superior Eleitoral determinaram que 30% dos fundos públicos de financiamiento de campanhas sejam destinados …
6
15:17
Sai Jean Wyllys, entra David Miranda
David Miranda, substituto de Jean Wyllys como deputado federal, é o convidado de estreia do programa Entrevista por Catraca Livre. …
7
01:37
Saiba o que muda com o novo decreto de posse de armas
Conforme prometido durante a campanha eleitoral, o presidente Jair Bolsonaro assinou o decreto que flexibiliza a posse de armas no Brasil. …
8
01:27
Rosa para meninas e azul para meninos?
Ao longo da história muita coisa mudou, inclusive a forma como meninos e meninas eram vestidos. No século XVIII, por …