‘Vamos ocupar o Carnaval pelo olhar de mulheres’, diz bloco

Por Maria Vem Com As Outras

Por: Redação | Comunicar erro

O bloco Maria Vem com as Outras começou ao perceber a urgência de ocupar o Carnaval a partir do olhar das mulheres. O primeiro encontro das Marias se deu em meados de julho de 2016 e nossa coroação carnavalesca aconteceu no Carnaval de 2017.

Desfile de 2017, o de estreia do bloco Maria Vem Com As Outras

O processo de se conhecer e reconhecer enquanto mulher em todos os espaços da vida foi importante para a nossa consolidação e a reunião de tantas mulheres num bloco. Entendemos que a apropriação dos instrumentos musicais ainda é muito discriminada e que reforça lógicas cada dia mais ultrapassadas sobre o lugar da mulher na sociedade.

Com isso, surgiu o desejo de agregar, unindo mulheres que já tocavam no Carnaval de rua às que não sabiam tocar nenhum instrumento, trocando experiências, aprendizados e perspectivas sobre a importância de se reunir para ocupar o Carnaval.

Estar nas ruas com música também nos fortalece no cotidiano, nos encontros, reforçando a importância de estarmos nos mais diversos espaços. Nosso repertório é formado por música de mulheres: interpretadas, compostas ou sobre nós. Em todos os nossos processos de decisão, buscamos a horizontalidade, a divisão de tarefas e a troca no olho a olho, respeitando e valorizando nossas diferenças.

Começamos meio sem saber por onde, mas cada dia mais temos novas Marias a fim de somar e pensar o mundo, as ruas, a cidade e o Carnaval para que seja de fato de todo mundo. Maria, vem com as outras!

Campanha #CarnavalSemAssédio

Pelo terceiro ano consecutivo, o Catraca Livre promove a campanha #CarnavalSemAssédio com o objetivo de lutar por respeito na folia e pelo fim da violência contra a mulher. Quem está com a gente: a ONU Mulheres, a ONG Plan International, os blocos Mulheres Rodadas e Maria Vem Com as Outras, as redes Minha Sampa e Meu Recife, os coletivos Nós, Mulheres da Periferia, Não é Não e Vamos juntas? e as prefeituras de São Paulo e Salvador.

1 / 8
1
04:47
Entenda como o fogo na Amazônia virou uma crise internacional
O fogo que consome a Amazônia, maior floresta tropical do mundo, já representa 52,5% de todas as queimadas registradas no …
2
02:58
Como se prevenir de doenças
Você sabe o que são as doenças crônicas não transmissíveis? Hoje, a Dra. Aline Oliveira, médica de família, fala sobre ações …
3
03:13
Kinoplex: o cinema sem defeitos em São Paulo!
Quem disse que cinema de shopping é tudo igual? São Paulo acaba de ganhar um espaço exclusivo, com seis salas …
4
08:59
Vinicius Poit defende Salles como ministro do Meio Ambiente
O deputado federal Vinicius Poit (NOVO-SP) defendeu a permanência de Ricardo Salles como ministro do Meio Ambiente no Governo Bolsonaro. …
5
02:28
Quais são os sintomas que são gerados pelo estresse?
Com a correria do dia-a-dia somos facilmente pegos pelo estresse. E o nosso corpo indica sinais de que estamos fisicamente …
6
03:52
Surge o BolsoLula: os mesmos vícios da velha política brasileira
No vídeo, o jornalista Gilberto Dimenstein explica o conceito da expressão 'BolsoLula' e analisa as consequências da interferência política exercida …
7
04:15
Como os Beatles mudaram minha vida: parte 1
Como seria o mundo sem a inovação e energia que a música ganhou pós-Beatles. Imaginou? E se as pessoas também …
8
03:02
Jair Bolsonaro é louco, ignorante ou irresponsável?
O presidente Jair Bolsonaro fez um pronunciamento nesta quarta-feira, 21, apontando que ONGs poderiam estar por trás das queimadas na …