Jornalista dá aula de 5 segundos de feminismo a Eduardo Bolsonaro

Por: Gilberto Dimenstein | Comunicar erro

Eduardo Bolsonaro pediu aos professores que não tratassem de feminismo em sala de aula, como se fosse uma doença.

Pego emprestada a definição de uma jornalista – Mariliz Pereira Jorge, da Folha – para que se entenda o feminino em apenas 5 segundos.

“Sua mãe, suas colegas, suas amigas, suas primas, suas filhas devem ter os mesmos direitos que os homens, no trabalho, na divisão de tarefas domésticas, nas relações sexuais?
É disso que se trata o feminismo”

Não é necessário mais nenhum segundo ou palavra para mostrar a bobagem que significa atacar o feminismo.

Compartilhe:

Tags: #News
Autor: Gilberto Dimenstein

Jornalista, educador e fundador da Catraca Livre.

1 / 8
1
02:32
Datafolha explica as vaias que Bolsonaro recebeu no Maracanã
Dois pontos da pesquisa Datafolha publicada nesta segunda-feira, 8, pela Folha, mostram a pior notícia para Jair Bolsonaro. E se não …
2
03:33
O desequilíbrio de Bolsonaro na demissão de Joaquim Levy
O economista Joaquim Levy deixou a presidência do BNDES (Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social) neste domingo, 16. A …
3
02:28
Bolsonaro deveria ser processado por homicídio culposo
Está repercutindo no país o desfecho da morte da modelo Caroline Bittencourt. O empresário Jorge Sestini, marido de Caroline, será indiciado …
4
03:57
Guru de Bolsonaro está nu
DIREÇÃO: Gilberto Dimenstein COMENTÁRIO: Gilberto Dimenstein CAPTAÇÃO: Daney Carvalho (DN|LC) EDIÇÃO: Daney Carvalho (DN|LC)
5
02:09
O PEIXE FEDEU PARA A FAMÍLIA BOLSONARO
6
07:22
Entenda o que é velha política
“Descomplicando” é um programa que discute as notícias e assuntos do momento, aprofundando e refletindo sobre seu significado e consequências …
7
03:32
MINISTRO DE BOLSONARO DEFENDE GUERRILHEIRA DILMA
8
04:47
TÁBATA DÁ UMA MARAVILHOSA LIÇÃO AO BRASIL DE BOLSONARO