CORONAVÍRUS
Loading...
Últimas notícias e tudo que você precisa saberAtualizando informações
Infectados-
Mortes-
Recuperados-

Volta ao mundo em 277 dias

Casal preferiu couch surfing e hospedagens em albergues para cortar gastos

Por: Redação

Sabe aquela história de largar tudo e ir atrás de um sonho? O casal de fotógrafos Tati e Guto, de 25 anos, está fazendo isso. No dia 25 de agosto, domingo, eles colocam mochilas nas costas e partem para uma viagem de volta ao mundo.

Foto: Divulgação
Tati e Guto escolheram as cidades que mais tinham vontade de conhecer

Ambos largaram os empregos e fizeram um planejamento financeiro detalhado para darem conta do orçamento. O roteiro leva 277 dias (9 meses) para ser concluído e contempla quatro continentes, passando por 20 países e 50 cidades Eles começam por Londres e terminam no Chile, indo sempre para a direção leste do mapa-mundi.

“Compramos um bilhete de volta ao mundo com 16 destinos aéreos escolhidos por nós mesmos. Foi a primeira limitação: só podemos ir para onde companhias aéreas chegam”, detalha Guto.

Os destinos foram escolhidos obedecendo a critérios: interesse do casal e seguir as estações outono e primavera. Manter-se em climas amenos reduz a bagagem, sem necessidade de roupas de frio, e evita desconfortos com calor excessivo.

Tati e Guto não se restringem a pontos turísticos. Também querem conhecer locais diferentes, próprios de cada cultura. Aquele lugar tradicional da cidade que, de tão acostumadas a frequentar, as pessoas nunca se lembram de apresentar aos turistas.

Aproveitando que são fotógrafos, os dois são fotógrafos, criaram o projeto Fotomochileiros, onde farão o que chamam de “narrativa visual”. Por meio de fotografias, mostram o que vão encontrar pela frente nessa aventura. O Fotomochileiros tem site e página no Facebook.

Compartilhe:

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.