Últimas notícias:

Loading...

Dimenstein: Datafolha mostra risco de Bolsonaro de ser derrubado

Presidente segue com pior índice de aprovação desde Collor

Dois pontos da pesquisa Datafolha publicada nesta segunda-feira, 8, pela Folha, mostram a pior notícia para Jair Bolsonaro.

E se não forem alterados rapidamente, a aposta maior é de que o presidente não acabe seu mandato.

Ou, se acabar, não conseguirá sair do Palácio do Planalto.

Crédito: Marcos Corrêa/PRBolsonaro segue com pior índice de aprovação desde Collor

No geral, o resultado é ruim: 33% consideram seu governo ruim e péssimo.

Mas o grave não está aí.

O grave está aqui. Reproduzo notícia da Folha.

“O percentual daqueles que creem que ele age como um presidente deveria se comportar caiu de 27% para 22%.
Já os que acham que ele não tem tal comportamento oscilou de 23% para 25%. Acham que na maioria das vezes ele segue a liturgia do cargo 28% (27% em abril), e 21% (20% antes) o reprovam sempre.”

Ou seja, muita gente não acha que ele comporta como presidente.

Explicável: basta ver como um dos filhos –Carlos– pilota seu governo.

Ou a influência de uma fraude intelectual como Olavo de Carvalho.

Para completar o pior do Datafolha para Bolsonaro:

“Para 61%, ele fez menos do que o esperado, enquanto 22% consideram o desempenho previsível. Já 12% avaliam que ele superou a expectativa. Há três meses, os dados eram semelhantes.”

No período, piorou a imagem do desempenho de Bolsonaro como mandatário.

Para sobreviver, Bolsonaro vai ter que olhar além de seu nicho –e tentar ser um presidente de todos os brasileiros.

Compartilhe:

Tags: #bolsonaro