Eduardo Bolsonaro ataca presença de mulheres trans no esporte

Por: Gilberto Dimenstein

O deputado federal Eduardo Bolsonaro (PSL-SP) deu mais uma demonstração de sua boçalidade neste sábado (30).

Em uma publicação no Twitter, ele atacou as entidades que regulam os esportes profissionais no Brasil por permitirem que jogadoras trans atuem ao lado mulheres cisc –aquelas que se identificam com o gênero designado ao nascer.

Eduardo Bolsonaro

O filho do presidente classificou de “inaceitável e ridículo que um homem pratique esportes em nível profissional com mulheres alegando ser uma delas”.

O ataque do filho de Bolsonaro tem enderenço: a jogadora de vôlei Tiffany Abreu, do Sesi Bauru, que joga a Superliga feminina.