Últimas notícias:

Loading...

Mais de 1.000 médicos deixaram Mais Médicos para fazer residência

O Ministério da Saúde abriu nesta segunda-feira um novo edital do Mais Médicos com 2.037 vagas

Por: Gilberto Dimenstein

Reportagem exclusiva do “O Globo” revela que três em cada cinco médicos brasileiros convocados para substituir cubanos que desistiram do programa Mais Médicos foram cursar residência.

De novembro de 2018 a maio deste ano, 1.325 profissionais com registro no Brasil se desligaram do programa. Todos foram convocados para substituir as 8.332 vagas que eram ocupadas por médicos cubanos.

Ainda segundo a reportagem, motivos pessoais correspondem a 15% das desistências no programa. Os demais estão relacionados à aprovação em concursos públicos e outros motivos.

Os profissionais recebiam R$ 11.865,60, sem desconto no Imposto de Renda, por se tratar de uma bolsa.

O Ministério da Saúde abriu nesta segunda-feira um novo edital do Mais Médicos com 2.037 vagas.

Compartilhe:

Tags: #bolsonaro