Escola na Irlanda lança curso de inglês transmitido em Libras

Com iniciativa inédita, empresa disponibiliza 1 mil vagas em plataforma virtual para curso de inglês

Com o intuito de disponibilizar o aprendizado de um segundo idioma a todos os públicos, uma escola na Irlanda criou um curso de inglês online e gratuito totalmente transmitido em Língua Brasileira de Sinais (Libras). As aulas são para pessoas com deficiência auditiva que estejam no nível básico.

Crédito: iStock/icenandoEscola com sede na Irlanda oferece curso de inglês para pessoas surdas

O curso é disponibilizado no site SedaCollegeOnline, da SEDA College, em parceria com a Ophicina de Inovação, que desenvolveu a plataforma Open Senses. A ferramenta sincroniza automaticamente os vídeos das aulas, assim é possível assistir ao conteúdo traduzido em Libras.

O curso Beginners em Libras é composto por quatro módulos. O curso auxiliará em localizações, orientações em aeroportos, linguagens de internet, entre outros contextos em que há necessidade do inglês.

Recentemente, a SEDA College promoveu uma palestra com Eddie Redmond, CEO da Irish Deaf Society, que abordou a importância da linguagem de sinais, os aspectos dessa cultura e as recentes conquistas da comunidade de pessoas surdas da Irlanda, como ter a língua de sinais reconhecida pelo governo. O evento endossou a motivação em lançar o projeto, que já estava em desenvolvimento.

É importante observar que esse programa permite apenas a prática do inglês por meio da leitura e da escrita. Para diálogo ou comunicação é necessário o aprendizado da American Sign Language (ASL). Clique aqui para mais informações.

O Grupo SEDA tem sede em Dublin, Irlanda, e possui unidades no Brasil, Bolívia, Chile, Colômbia, Costa Rica, México, Panamá e Venezuela e parceria com mais de 80 agentes distribuídos pela Coreia do Sul, Japão e Rússia.

A instituição também oferece cursos de idiomas, inglês para negócios, programas profissionalizantes, MBA, pós-graduação, especializações, nanograduações e intercâmbios, realizados por estudantes de mais de 100 países. Conta ainda com plataforma digital gratuita de cursos e programa de bolsa de estudos.

Compartilhe: