Startup oferece formações em habilidades do século 21

Com a transformação das indústrias, profissionais investem em métodos alternativos de educação para aproveitar novas oportunidades de carreira

Por: Publi | Comunicar erro

Você sabia que 65% das crianças que estão na escola trabalharão em empregos que ainda não existem nos dias de hoje? O dado, divulgado durante o Fórum Econômico Mundial (World Economic Forum – WEF), em 2016, ilustra como as habilidades que surgem a partir das novas tecnologias impactam o futuro do trabalho. E como devemos encarar isso desde já.

É neste cenário que a Tera, escola para a economia digital, oferece métodos alternativos de educação para que profissionais estejam preparados para as novas carreiras – e suas exigências.

Crédito: Tiago Queiroz/TeraEstudantes da Tera aprendem durante curso intensivo

Mais de 700 profissionais apostaram na startup para aprender competências valorizadas pelo mercado de forma rápida, prática e modular – deixando de lado modelos mais tradicionais como pós-graduação e MBAs.

As habilidades certas para o profissional do futuro

A Tera mapeia profissões, hábitos e habilidades mais importantes para profissionais do século 21 e tem como objetivo reinventar a educação adulta, desenvolvendo uma comunidade de aprendizado para toda a vida, o que chamam de life-long learning. Muitas dessas habilidades, no entanto, não são ensinadas nas universidades tradicionais.

Então a startup propõe um novo método de ensino com foco nas habilidades com maior demanda no mercado de trabalho global, e que estudos apontam que terão crescimento exponencial no futuro. São elas: UX Design, Product Management, Data Science & Machine Learning e Marketing Digital & Growth. Clique aqui para conferir os cursos disponíveis.

Método de ensino prático, imersivo, modular

Se as profissões evoluem com a tecnologia, as formas de aprendizado também devem mudar. Essa é a premissa da Tera, que traz uma metodologia de ensino prática e 100% baseada em projetos reais (junto a empresas e ONGs), em que o estudante aplica imediatamente o que aprendeu com clientes.

Crédito: Tiago Queiroz/TeraEstudantes têm mentoria com profissionais do mercado

Além disso, os participantes têm mentoria com profissionais do mercado de tecnologia que estão na linha de frente em empresas como Google e Nubank, em bootcamps que duram até 10 semanas e oferecem aprendizado intensivo.

Durante a participação no bootcamp e após sua conclusão, os estudantes participam de uma comunidade online onde podem acessar outros profissionais e experts, aumentando o conhecimento e expandindo as oportunidades de carreira.

Outra inovação do modelo é que a experiência acontece em hubs de inovação e coworkings, como Cubo e Google Campus, oferecendo a possibilidade de mergulhar no universo de empreendedorismo.

O futuro do trabalho é agora

Para aprofundar ainda mais sobre o assunto, a Tera vai produzir uma live com o tema “Carreiras Exponenciais: como ter uma vida produtiva num futuro incerto”, na qual o fundador e CEO , Leandro Herrera, vai mostrar como a tecnologia já impactou as profissões e quais competências serão importantes para profissionais do futuro.

A discussão será transmitida no Facebook, no dia 29 de agosto, às 19h. Inscreva-se neste link e acompanhe a página da escola para não perder as novidades!

Compartilhe: