USP dá curso de computação gratuito para jovens de baixa renda

Por: Redação

Por meio do Programa Paideia (Pró-Profissão em Tecnologia da Informação), uma iniciativa do Laboratório de Sustentabilidade (Lassu) da Escola Politécnica (Poli) da USP (Universidade de São Paulo), serão oferecidas aulas gratuitas de computação para jovens de baixa renda da Grande São Paulo.

O projeto tem duração de dois semestres letivos e tem como objetivo envolver os estudantes nas áreas de microinformática, programação básica e preparação para o mercado de trabalho. A carga horária do curso é de 360h.

Escola Politécnica da USP, na Cidade Universitária

As aulas são realizadas das 14h às 17h no Espaço Paideia, inaugurado em novembro de 2016 no segundo andar do prédio do Lassu, laboratório ligado ao Departamento de Engenharia de Computação e Sistemas Digitais (PCS) da Poli.

Além da experiência de aprender com professores da USP e profissionais do mercado, os alunos receberão auxílio para alimentação e transporte; camisetas e jalecos para uso nas salas de aulas; kit de ferramentas para montagem e desmontagem de equipamentos; e apostila com o conteúdo do curso.

Para se inscrever, é preciso ter entre 16 e 20 anos. O candidato deve estar cursando o segundo ou o terceiro ano do ensino médio ou já ter completado este ciclo. Clique aqui para acessar o formulário de inscrição, aberto até 6 de setembro de 2017. São 25 vagas disponíveis.

O processo de seleção está dividido em três fases: uma prova escrita, para avaliar as motivações do jovem em relação ao curso; entrevista pessoal com os candidatos; e entrevista com a família do aluno.

  • Leia também: