CORONAVÍRUS
Loading...
Últimas notícias e tudo que você precisa saberAtualizando informações
Infectados-
Mortes-
Recuperados-

Maisa Silva se revolta com fake news de que contraiu coronavírus

'Conto com a ajuda de vocês para espalhar que não estou doente', pediu a apresentadora que está na Itália, país que registra diversos os casos da doença

Por: Redação

A apresentadora do SBT, Maisa Silva, se revoltou, nesta quarta-feira, 26, ao descobrir que circula na internet uma fake news de que contraiu coronavírus. Maisa está na Itália, país que já registrou 12 mortes por conta da doença.

MAISA SILVA CORONAVÍRUS FAKE NEWS
Crédito: Reprodução/TwitterMaisa Silva se revolta com fake news de que contraiu coronavírus

“Todo mundo já sabe que eu estou na Itália e está rolando coronavírus, assim como em outros lugares do mundo, inclusive no Brasil, que confirmaram um senhor com o vírus. Não tem mais o que eu falar sobre isso, eu tenho acesso a nada [risos]. Obrigada”, afirmou.

Maisa Silva pediu para que seus fãs ajudassem a divulgar que ela não está doente. “Conto com a ajuda de vocês para espalhar que eu não estou doente. Já não basta o tanto de gente mandando coisas horríveis sobre isso para mim, por favor, parem!”.

“Quando eu chegar em casa, tomarei providências. Cadê a responsabilidade?”, afirmou a apresentadora.

Como acontece a transmissão do coronavírus

A transmissão do novo coronavírus acontece, principalmente, pelas secreções respiratórias. Quando o indivíduo fala ou espirra, ele expele gotículas que contêm o coronavírus que podem passar para outras pessoas. O potencial de doenças respiratórias é muito grande porque a transmissão acontece pelo ar.

A transmissão também pode acontecer através das mãos contaminadas pela secreção respiratória. Se a pessoa infectada passa a mão no nariz ou tosse com a mão na boca, por exemplo, e pega na maçaneta, uma segunda pessoa que também pegar nessa maçaneta e levar a mão até a boca, poderá se contaminar com o vírus.

ilustração coronavírus
Crédito: Onurdongel/istockO coronavírus é transmitido pelas secreções respiratórias

Como é definido um caso suspeito do novo coronavírus?

Um caso suspeito é definido quando o paciente possuir o critério clínico de febre acompanhada de sintomas respiratórios e atender uma das três situações: ter viajado nos últimos 14 dias antes do início dos sintomas para a China ou ter tido contato próximo com um caso suspeito ou confirmado.

Saiba mais detalhes sobre a transmissibilidade do vírus, os sintomas e as formas de prevenção clicando aqui.

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.