Netflix, Google Play e Now: 9 ótimas dicas de filmes e séries

Por: Jacqueline Cordeiro Comunicar erro

Quer ficar em casa e assistir a uma seleção de filmes de diversos temas para se divertir, aprender e se inspirar? Sua casa vai se transformar em um centro cultural!

Preparamos uma lista com dicas que valem ouro. Tem filme e série para todos os gostos.

Para começar, “O Informante” de 1999, disponível na Netflix, com os atores Al Pacino e Russell Crowe, filme indicado a 7 Oscars.  Baseado em uma história real, os dois personagens travam uma luta pela verdade envolvendo a indústria do tabaco e a imprensa. Russell Crowe engordou mais de 20 quilos para compor seu personagem. Imperdível.

Dentro do gênero de ação, o primeiro “Mad Max “de 1979 é uma ótima opção. Um clássico para ser revisitado e repensado. Nas plataformas Google Play e Netflix.

Temas como amizade e finitude da vida você encontra no excepcional roteiro de “Antes de Partir” com os atores Jack Nicholson e Morgan Freeman.

Outro nessa mesma pegada, que nos inspira a buscar a felicidade em pequenas coisas do dia a dia é: “A Culpa é das Estrelas”.  

“Bridget Jones  –  No Limite da Razão” traz mais aventuras divertidas dessa anti-heroína, mostrando que ela é gente como a gente.

Esses últimos três filmes estão disponíveis na Netflix, Google Play e Net Now.

Mas se você gosta de pensar sobre saúde e bem estar a dica é um documentário que mostra como a Ioga salvou uma garota da depressão e anorexia: “Maris: Cura pela Ioga”, na Netflix.

E tem mais: uma série e um filme que mostram personagens pelo viés de suas profissões.

“How to Get Away with Murder”, ou “Como defender um Assassino”, na Netflix, é uma série com a premiada atriz Viola Davis no papel de uma prestigiada professora e advogada americana que envolve seus alunos em investigações de assassinatos e aventuras perigosas.

Indo para o mundo da Moda, agora no Google Play, a dica é o filme “O Diabo veste Prada”, de 2006. Mostra a relação profissional entre uma excêntrica editora-chefe da mais importante revista de moda americana e sua assitente. Vale muito ver a atuação de duas grandes atrizes : Meryl Streep e Anne Hathaway.

O último título de hoje para você assistir em sua casa, agora seu centro cultural particular, é uma série  que explora o mundo da publicidade: “Mad Men”, na Netflix. A história se passa na Nova Iorque dos anos 60 e mostra a guerra entre as agências de publicidade e as transformações das relações sociais e morais de seus personagens. Os figurinos são um capítulo à parte!

Agora é só escolher! Partiu cultura em casa!

Por: Jacqueline Cordeiro

1 / 8
1
04:50
Netflix: “Indústria Americana” mostra choque de culturas
https://www.youtube.com/watch?v=VWbbLQ3xLNo Hoje a dica do "Cultura em Casa" é o documentário "Indústria Americana", lançamento original da Netflix. O filme mostra o …
2
06:04
Michael Jackson, culpado ou inocente? Séries exibem as duas versões
A nossa dica da semana é a sequência em dose dupla de documentários sobre a contraditória história das acusações contra …
3
05:26
Como os Beatles mudaram a minha vida — parte 3
Como seria o mundo sem a inovação e energia que a música ganhou pós-Beatles. Imaginou? E se as pessoas também …
4
06:05
Prepare-se: ‘Matrix 4’ vem aí com Keanu Reeves confirmado no elenco.
Você assistiu aos filmes da trilogia "Matrix"? Hoje a dica do "Cultura em Casa" é um convite para você mergulhar …
5
05:14
Como os Beatles mudaram minha vida: parte 2
Como seria o mundo sem a inovação e energia que a música ganhou pós-Beatles. Imaginou? E se as pessoas também …
6
04:15
Como os Beatles mudaram minha vida: parte 1
Como seria o mundo sem a inovação e energia que a música ganhou pós-Beatles. Imaginou? E se as pessoas também …
7
04:12
Netflix: ‘The Family- Democracia Ameaçada’ revela grupo secreto
A minissérie "The Family: Democracia Ameaçada", que pode ser vista na Netflix, mostra questões que te farão pensar em uma …
8
04:53
Netflix e KondZilla lançam ‘Sintonia’, da periferia para o mundo
KondZilla tem razão quando afirma: "A favela venceu". “Sintonia”, a nova série da Netflix, prova isso. A ideia original é dele …