Últimas notícias:

Loading...

Revoltada, mãe de Gil pede justiça por ataques homofóbicos ao filho

"Eu quero justiça. [...] o que foi que meu filho fez de mau com esse senhor? Ele dançou! O que que tem dançar? Meu filho não é mal-amado igual essa gente"

Por: Redação
Ouça este conteúdo

Na manhã deste sábado, 15, a mãe de Gil do Vigor, dona Jacira Santanna, publicou um vídeo em que aparece revoltada (e com razão) pedindo por justiça pelos ataques homofóbicos que o filho sofreu de conselheiros do Sport Club do Recife.

Nas imagens, a mãe do ex-BBB e mais novo contratado da TV Globo agradeceu às palavras de carinho que vem recebendo após os ataques e saiu em defesa do filho. “Eu, como mãe, estou muito mal com toda essa situação. Meu filho é uma pessoa de boa índole, que nunca fez mal a ninguém”, desabafou.

mãe gil
Crédito: Reprodução/InstagramRevoltada (e com razão), mãe de Gil do Vigor pede Justiça em vídeo pelos ataques homofóbicos ao filho

“É uma pessoa que luta e representa a defesa de direitos da minoria e do respeito às diferenças.”, desabafou ela na legenda. “Mais amor, por favor”, pediu, se desculpando logo em seguida por estar alterada. “É uma mãe revoltada. Mas eu acredito na Justiça. Eu quero justiça. […] o que foi que meu filho fez de mau com esse senhor? Ele dançou! O que que tem dançar? Meu filho é alegre, é feliz, não é mal-amado igual essa qualidade de gente, não”, desabafou.

Ao final do vídeo, dona Jacira também agradeceu o ex-presidente Lula (PT) e o ex-presidenciável Ciro Gomes (PDT) pelo apoio dos dois a ela e ao filho.

Saiba o que fazer e como denunciar casos de homofobia