Saiba como assistir ao campeonato brasileiro de futebol feminino

Edição de 2019 é transmitida pelo twitter, com os grandes clubes do Brasil sendo obrigados a criar equipes femininas

Por: Redação | Comunicar erro

“O Brasil é o país do futebol.” Provavelmente você já ouviu essa frase alguma vez na vida e quando falamos de esporte por aqui, não é preciso pesquisar muito para descobrir a preferência da maioria dos brasileiros. Em 2019, tudo indica que a frase continue sendo reproduzida, porém, acrescida de um importante complemento: O Brasil é o país do futebol, feminino.

Crédito: iStockTorcedoras do Brasil no estádio

A CBF (Confederação Brasileira de Futebol) fechou uma parceria com o Twitter, e pela primeira vez na história, o campeonato brasileiro de futebol feminino está sendo transmitido ao vivo. Para acompanhar, acesse o perfil do Brasileirão Feminino (@BrFeminino) no twitter e assista aos jogos no seu celular, computador ou aparelhos com conexão de internet.

O objetivo da parceria é aumentar a visibilidade do futebol feminino no Brasil, visto que hoje, o esporte é potência apenas na modalidade masculina. Além das transmissões, a CBF também definiu uma regra para os 20 clubes da elite masculina: possuir uma equipe feminina adulta, disputando uma competição oficial ao longo da temporada.

Com a iniciativa, o twitter transmite uma partida por rodada na fase de grupos, quartas de final e semifinal. Os dois jogos da final também serão transmitidos. “O Twitter é uma plataforma que sempre está ao lado do esporte e do futebol. Vê-la apostando no feminino, e tendo em vista a visibilidade que a plataforma pode dar, nos enche de esperança para o futuro da categoria. A CBF trabalha para anunciar em breve transmissões em outras plataformas”, disse Manoel Flores, Diretor de Competições da CBF.

O campeonato reúne 16 equipes e possui duas divisões: A1 e A2. A primeira é disputada por times tradicionais – Corinthians, Flamengo e Santos – e vai até outubro. Já a série A2 também conta com times conhecidos, como São Paulo, Palmeiras, Vasco e Grêmio, no entanto, como eles ingressaram no futebol feminino adulto apenas em 2019, iniciam sua história na divisão de acesso. Vale lembrar que na A2, os próprios times são responsáveis pelas transmissões de seus jogos.

Além das novidades já citadas, o futebol feminino alcançará outra grande conquista: ser transmitido pela Rede Globo. A maior emissora do país comprou os direitos dos jogos da seleção brasileira na Copa do Mundo de Futebol Feminino, que será disputada na França entre os dias 7 de junho e 7 de julho. Com a visibilidade, o público brasileiro pode conhecer os novos talentos canarinhos e acostumar-se com nomes além da conhecida Marta, eleita seis vezes a melhor jogadora do mundo pela FIFA.

1 / 8
1
19:44
Copa feminina: Boletim da Tia Paulinha – Episódio 4
O Brasil encerrou a sua participação na Copa da França após um jogo disputadíssimo com as donas da casa. A …
2
03:16
‘Doutor Sono’, continuação de ‘O Iluminado’, vem por aí nos cinemas
Foram longos anos para termos, em livro, uma continuação da clássica obra de terror de Stephen King, “O Iluminado”. Em “Doutor …
3
05:41
Netflix: ‘Guerras do Brasil.doc’ põe em dúvida nosso caráter pacífico
"O Brasil é um país pacífico".  Depois de assistir a cada um dos cinco episódios da série documental da Netflix …
4
03:29
Maurício de Souza se emociona em première do filme da Turma da Mônica
O aguardado live-action da Turma da Mônica foi responsável por um fofíssimo episódio envolvendo seu criador, o quadrinista Maurício de …
5
05:00
Netflix: ‘Elisa y Marcela’ um amor à frente de seu tempo
Você já imaginou ser possível a Igreja Católica realizar um casamento entre duas mulheres na Espanha em 1901 e esse …
6
01:25
Obras de Cândido Portinari estão no ‘Google Arts and Culture’
Cinco mil obras do pintor Candido Portinari foram disponibilizadas de maneira digital pela plataforma Google Arts & Culture. Pra acessar é …
7
09:12
Copa feminina: Boletim da Tia Paulinha – Episódio 2
Cristiane meteu 3 nas redes jamaicanas e garantiu a vitória do Brasil no jogo de estreia na Copa do Mundo. Como …
8
04:32
‘Baseado em Fatos Raciais’ aborda maconha e preconceito na Netflix
Já imaginou uma aula de história, regada à jazz, rap, vinil e maconha? Gostou? Então assista ao documentário "Baseado em …