CORONAVÍRUS
Tudo o que você precisa saberÚltimas notícias e tudo que você precisa saber

Aprenda a obter os benefícios das castanhas sem castigar o bolso

Alimentos mais baratos podem suprir alguns nutrientes encontrados nesse poderoso item

Por: Redação
um punhado de castanhas na mão de uma pessoa
Crédito: MachineHeadz/istockEspecialista ensina a obter nutrientes da castanha sem castigar o bolso

As castanhas são fontes de muitos nutrientes importantes para a manutenção de nossa saúde. O problema é que elas costumam ter um preço mais alto que os de outros alimentos, o que é proibitivo para a dieta de muitas pessoas. Pensando nisso, a nutricionista Fernanda Muller, da clínica Nutrindo Ideais, ensina como aproveitar os benefícios desse poderoso item sem castigar o bolso.

“As oleaginosas –castanhas, nozes, amêndoas, macadâmia e outras– são fonte de gorduras naturais, mono e poli-insaturadas, importantes pelo efeito anti-inflamatório e que ajuda a evitar doenças”, explica a especialista.

Além disso, esses alimentos possuem ação antioxidante pela presença de vitaminas, minerais e fitoquimícos, que auxiliam na prevenção do envelhecimento precoce, por combater o excesso de radicais livres.

“Incluir as oleaginosas na dieta de emagrecimento é interessante, pois favorecem a saciedade”, diz Fernanda. Elas possuem baixo teor de carboidrato e podem substituir farinhas de cereais (trigo, arroz, milho e aveia) em receitas de pães e bolos, por exemplo.

Petisco

Ela alerta, porém, que as castanhas são bem calóricas –portanto, devemos ter cuidado com o exagero. “Não comê-las sem fome, só para ‘beliscar’, já é um forma de evitar o consumo excessivo.” Para quem precisa perder peso, ela indica deixar disponível na bolsa aquela castanha da qual menos gosta –assim, é mais certo que coma apenas com fome “real” e em pequena quantidade.

Esse já é um indicativo de economia, já que bastam poucas castanhas para obter nutrientes. Mas algo mais pode ser feito. “O que falta de nutrientes em um alimento, encontramos em outro”, afirma a nutricionista. “E nada em exagero é saudável. Então, varie o consumo. Faça um mix de oleaginosas!”

Crédito: IStockEspecialista ensina a obter nutrientes da castanha sem castigar o bolso

Como alternativa, ainda é possível encontrar os mesmos nutrientes em outros alimentos. “Como fonte de gordura, podemos consumir abacate, azeite de oliva, coco, peixes (sardinha é uma opção) e linhaça”, enumera Fernanda. E, para consumir as mesmas vitaminas, minerais e fitoquímicos das castanhas, invista em uma rica variedades de vegetais coloridos, sejam frutas, verduras ou legumes.

Compartilhe: