Últimas notícias:

Loading...
Equilibre-se
Equilibre-se
Equilibre-se
logo

Equilibre-se

Terapeuta ocupacional conduz pessoas a uma vida com plenitude

Profissional homenageado em janeiro atua facilitando e garantindo o desempenho de tarefas cotidianas

Por: Redação
Ouça este conteúdo
Crédito: Hamilton Viana/PixabayTerapeuta ocupacional conduz pessoas à vida com plenitude

No dia 19 de janeiro, é comemorado o Dia Mundial do Terapeuta Ocupacional. Mas você sabe o que faz esse profissional e por que ele é importante para nosso equilíbrio e nosso bem-estar?

A terapia ocupacional visa facilitar e garantir o desempenho de tarefas cotidianas. A ideia é capacitar pessoas para uma participação ativa e plena na vida, independentemente de suas condições sociais, de saúde ou de estilo de vida.

Crédito: Reprodução/Ministério do Desenvolvimento SocialTerapeuta ocupacional conduz pessoas a uma vida com plenitude

Esse profissional pode atuar em hospitais, escolas, universidades, centros de saúde, clínicas de reabilitação, ONGs, residências terapêuticas, cooperativas, empresas, “home care” e, também, no sistema prisional.

Restrições à plenitude

O principal objetivo do terapeuta ocupacional é tornar as pessoas capazes de integrar as ocupações diárias. Segundo a Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto (FMRP-USP), ligada à Universidade de São Paulo, isso permite que construam sua identidade, saúde e bem-estar.

Alguns fatores podem restringir ou impedir a participação em ocupações, como alterações na estrutura ou nas funções do corpo causadas por problemas de saúde. Essas restrições também podem ser ambientais (físicas, sociais, atitudinais, legais, políticas ou culturais).

Crédito: RAEng Publications/PixabayTerapeuta ocupacional conduz pessoas à vida com plenitude

Geralmente, a terapia ocupacional é realizada em equipes interdisciplinares, de acordo com a Unifesp (Universidade Federal de São Paulo). Estão em foco funções corporais, saúde mental, reabilitação psicossocial, educação especial e inclusiva, melhoria da cognição, saúde laboral, tecnologia assistiva (relacionada à qualidade de vida de pessoas com deficiência) e gerontologia.

Crédito: RobinKoertshuis/PixabayTerapeuta ocupacional conduz pessoas a uma vida com plenitude

A professora Regina Célia Fiorati, da FMRP-USP, explica que o terapeuta ocupacional trabalha com pessoas de todas as idades em prol não só do que elas necessitam fazer, mas também do que é importante para elas. “Se uma pessoa, por algum motivo de saúde, de nascença ou social, perder ou não ter alguma habilidade para exercer essas ocupações, é o terapeuta ocupacional que vai atuar para ajudar essa pessoa.”

E então, viu como esses profissionais são importantes em nossa sociedade? Parabéns a eles!

Compartilhe: