“Cantinho Vegetariano”: muito conteúdo, nenhuma carne

Blog reúne notícias, artigos e muitas receitas para quem não consome produtos de origem animal

Por: Redação | Comunicar erro
Banco de Imagens/Stock
Para conferir a receita de batata frita com fotos, clique aqui.

Quanto mais opções de receitas e conteúdo informativo voltado para vegetarianos, melhor. Dentre os muitos benefícios que o não consumo de carne e produtos naturais podem trazer está o fato de que as receitas vegetarianas são para todos e todas, sem restrição.

Aqueles que comem carne não terão problema algum em saborear uma boa lasanha de berinjela ou um farto hambúrguer de soja, por exemplo. Para ampliar ainda mais o “cardápio”, um blog chamado Cantinho Vegetariano organizou diversas informações úteis.

Além do acervo com receitas que vão desde “Batata frita na panela de pressão” e “Esfirra de escarola” até “Pavê de geleia de morango com beijinho”, o Cantinho revela eventos como bazares e festivais espalhados pelo país. Outras sessões reúnem dicas de livros, revistas, vídeos e uma lista com o nome de vários vegetarianos famosos.

Para ter uma prévia do material disponibilizado pelo blog, veja a seguir a receita da batata frita citada neste texto:

Batata Frita na panela de pressão (texto retirado do próprio site):

Ingredientes

Batatas médias (entre 220 e 250g cada), de preferência Asterix (de casca rosada)

Óleo de sua preferência

Ramos de alecrim fresco (opcional)

2 ou 3 dentes de alho com casca, cortados ao meio (opcional)

Sal a gosto

Preparo

Descasque (ou lave bem) e corte as batatas em palitos de 1 centímetro de lado. Costumo usar um fatiador, mas se você não tiver, a faca está aí pra isso. Coloque em uma tigela, lave até a água parar de ficar turva e deixe de molho na geladeira por no mínimo meia hora, ou até de um dia para o outro – isso ajuda a retirar o excesso de amido. Na hora de fritar, escorra e enxague muito bem as batatas – o papel-toalha é tão importante aqui quanto após a fritura.

Em uma panela de 5 litros, o ideal é fritar 1 quilo de cada vez. Coloque as batatas dentro da panela seca (é isso mesmo: neste método, o óleo entra depois). Se optou por utilizar, acrescente os ramos de alecrim fresco e os dentes de alho. Despeje o óleo frio, direto da embalagem, sobre as batatas, até cobrir (você vai precisar de cerca de 1 litro de óleo para cada 600 g de batata). Feche a panela com a tampa sem a válvula. Acenda o fogo no máximo e deixe assim até começar a sair vapor pelo bico (leva de 5 a 7 minutos). Reduza o fogo, e aí é esperar.

Se você estiver fazendo a receita pela primeira vez, dê uma olhada aos 20 minutos para ver se está tudo correndo bem, se todas as batatas estão cobertas pelo óleo, etc. Como não há pressão, não é preciso apagar o fogo e esperar esfriar: basta desencaixar a tampa, como se você estivesse trabalhando com uma panela qualquer. Normalmente, leva de 30 a 40 minutos para ficar pronta, contados depois que começa a soltar o vapor. Quando estiverem douradas, retire da panela com uma escumadeira, escorra o excesso de óleo em papel-toalha, tempere com sal a gosto e sirva.

DicaSe você quiser fazer uma quantidade maior do que sua panela suporta, aqueça o forno enquanto frita a primeira leva; quando ficar pronta, escorra, coloque no forno e apague-o. Frite a segunda leva no mesmo óleo da primeira (talvez seja preciso completar com mais um pouco); se estiver usando alecrim e/ou alho, lembre-se de tirá-los, pois irão queimar se fritarem mais uma vez.

Importante – Apesar do trocadilho no título, o método não é feito sob pressão, apenas dentro da panela de pressão. Portanto, é preciso conferir se a válvula da sua panela desencaixa.

1 / 8
1
04:47
Entenda como o fogo na Amazônia virou uma crise internacional
O fogo que consome a Amazônia, maior floresta tropical do mundo, já representa 52,5% de todas as queimadas registradas no …
2
02:58
Como se prevenir de doenças
Você sabe o que são as doenças crônicas não transmissíveis? Hoje, a Dra. Aline Oliveira, médica de família, fala sobre ações …
3
03:13
Kinoplex: o cinema sem defeitos em São Paulo!
Quem disse que cinema de shopping é tudo igual? São Paulo acaba de ganhar um espaço exclusivo, com seis salas …
4
08:59
Vinicius Poit defende Salles como ministro do Meio Ambiente
O deputado federal Vinicius Poit (NOVO-SP) defendeu a permanência de Ricardo Salles como ministro do Meio Ambiente no Governo Bolsonaro. …
5
02:28
Quais são os sintomas que são gerados pelo estresse?
Com a correria do dia-a-dia somos facilmente pegos pelo estresse. E o nosso corpo indica sinais de que estamos fisicamente …
6
03:52
Surge o BolsoLula: os mesmos vícios da velha política brasileira
No vídeo, o jornalista Gilberto Dimenstein explica o conceito da expressão 'BolsoLula' e analisa as consequências da interferência política exercida …
7
04:15
Como os Beatles mudaram minha vida: parte 1
Como seria o mundo sem a inovação e energia que a música ganhou pós-Beatles. Imaginou? E se as pessoas também …
8
03:02
Jair Bolsonaro é louco, ignorante ou irresponsável?
O presidente Jair Bolsonaro fez um pronunciamento nesta quarta-feira, 21, apontando que ONGs poderiam estar por trás das queimadas na …