Coxinha saudável existe! Aprenda a versão vegana e funcional

Receita do "À Base de Planta" mostra como preparar coxinha vegana fit

Por: À Base de Planta Comunicar erro
Coxinha vegana saudável e sem glúten
Crédito: Julia Guglielmetti/@abasedeplantaCoxinha vegana saudável e sem glúten

Não conheço um humano que não curta coxinha! Beeeeem douradinho e oleoso, o salgado frito recheado com frango desfiado é um clássico da minha infância. Adorava!

Hoje sou mais consciente (ufa!) e, além de não comer mais animais, também tento cuidar da minha saúde com mais carinho. O que não significa que às vezes não bata aquela saudade, né? E, justamente por isso, criei essa coxinha vegana saudável. Ela é sem glúten, leva ingredientes funcionais e, ao invés de frita, é assada.

Se você estiver aí, do outro lado da tela, indignado que nada disso tem nada a ver com a coxinha original, minha sugestão é apenas para que desapegue das nomenclaturas e experimente de mente aberta.

Para mais receitas veganas, siga o perfil no Instagram do À Base de Planta!

Ingredientes da coxinha vegana

Para massa:

– 2 xícaras de chá de batata doce cozida e descascada (prefira assar ou cozinhar no vapor)
– 1 colher de sopa de farinha de grão de bico (acrescente mais, caso seja necessário)
– 1 colher de sopa de semente de chia
– 1 colher de sopa de semente de linhaça
– 1 colher de chá de cúrcuma (açafrão da terra) em pó
– 1 colher de chá de orégano desidratado
– 1 colher de chá de páprica defumada
– Pimenta do reino moída a gosto
– Sal a gosto

Para empanar:

– 1 colher de sopa de farinha de grão de bico
– 1/4 de xícara de chá de amaranto
– 1/4 de xícara de chá de quinoa em flocos
– Sal a gosto

Para o recheio:

– 2 xícaras de chá de shimeji picado
– 2 xícaras de chá de brócolis picado
– 1 cebola média picada
– 1 dente grande de alho picado
– 1 colher de chá rasa de cominho
– Shoyo natural a gosto
– Pimenta a gosto
– Óleo de gergelim para refogar

Coxinha vegana saudável
Crédito: Julia Guglielmetti /@abasedeplantaCoxinha vegana saudável

Como fazer:

Em uma tigela grande, misture bem todos os ingredientes para a massa. O ponto é quando estiver macia, consistente e desgrudando das mãos. Caso esteja muito pegajosa, acrescente mais farinha de grão de bico do que o indicado na receita. Caso esteja muito seca, acrescente água bem aos poucos. Reserve.

Para o recheio, refogue em óleo de gergelim a cebola e o alho e, em seguida, acrescente o brócolis e o shimeji. Tempere com shoyo natural, com cominho e com pimenta. Mexa até que estejam macios e dourados.

Então, pegue aproximadamente duas colheres de sopa da massa e faça um disco na palma da mão. Coloque o recheio no centro dos discos e feche a coxinha, fazendo uma bolinha e puxando sua pontinha. Para maior cremosidade, acrescente maionese vegana de couve-flor sobre o recheio (clique aqui para ver a receita) ou algum requeijão vegano da sua preferência.

Empane na mistura de farinha de grão de bico, amaranto, quinoa em flocos e sal. Pincele azeite por cima (eu curto usar aqueles em spray). Leve ao forno por 200°C até que estejam douradas.

Observações:

– A consistência da massa depende muito da safra da batata doce. Às vezes, está muito aguada e, por isso, pode ser necessário colocar mais farinha de grão de bico.

– Prefira fazer coxinhas de tamanho médio, são mais fáceis de modelar e assam mais rápido.

Escrito por Julia Guglielmetti, do @abasedeplanta.

1 / 4
1
01:30
Muito fácil, pudim de caneca no microondas
Aprenda como fazer um pudim na caneca com poucos ingredientes
2
03:15
4 receitas fáceis de drinks com vinho espumante
Torne seu dia a dia mais elegante e aprenda a fazer 4 drinks diferentes e simples com vinho espumante
3
01:35
Chácara Turma da Mônica
4
01:31
Merengue de morango