Dia 23 de setembro, às 19h30, acontece no Espaço Cultural Tattersal, no Parque da Àgua Branca, uma apresentação gratuita do Groupe Eia do Musée Cluny de Paris.

A apresentação objetiva arrecardar fundos para serem revertidos para projetos de reabilitação, no Haiti, devido o terremoto que abalou toda a estrutura social do país, deixando mais de 300 mil mortos.

O Groupe Eia do Musée Cluny de Paris participa hoje, no mosteiro, de um concerto para arrecadação de fundos destinados a financiar projetos de saneamento básico na capital haitiana, Porto Príncipe, e de construção de um banco de leite materno.

Pela primeira vez no Brasil, o grupo é formado por cinco músicos que vieram do conjunto Ultreia, que tocou no Museu Nacional da Idade Média de Paris de 1991 a 2008, sendo três cantores - o tenor Pierre Bourhis, a soprano Hélène Decarpignies e o contratenor Hervé Mailliet. O Eia leva ao palco instrumentos antigos, como a viela, que é tocada com arco, como um violino; o cistre ou cítola, que é tocado como o alaúde ou o violão, por cordas pinçadas; e a percussão.

Groupe Eia

23 Set
Catraca Livre
add Google Agenda