Divulgação

Créditos: Divulgação

Exposição gratuita reúne obras raras de grandes astrônomos como Johannes Kepler e Ptolomeu

A mostra “Olhares do Céu nos Livros Raros”, em exibição na Fundação Biblioteca Nacional a partir do dia 9 de novembro, apresenta cerca de 24 livros de astronomia que compõem o seu acervo raro. Em cartaz até o dia 11 de janeiro, a exposição abre de terça a sexta-feira, das 10h às 17h, com entrada Catraca Livre.

A Divisão de Obras Raras da Fundação Biblioteca Nacional – FBN/MinC promove a mostra, que é resultado de uma parceria com o Museu de Astronomia e Ciências Afins (MAST) e faz parte do Seminário Internacional de Bibliotecas Científicas, que esse ano acontece no Rio de Janeiro.

Foram selecionadas obras dos celebres astrônomos dos séculos XVI, XVII e XVIII, como Johannes Kepler, Ptolomeu, Andreas Cellarius e Pedro Nunes. A mostra traz muitos arquivos de astrônomos portugueses que foram importantes para a segmentação da área no Brasil. Grande parte das peças expostas foi adquirida com a vinda da Família Real portuguesa para o Brasil e sua Real Biblioteca.

Uma parte muito importante da mostra narra a influência dos padres Jesuítas na formação de astrônomos no país. As observações astronômicas no Brasil, feitas pelo Padre Valentim Estancel, professor do Colégio Jesuíta da Bahia, foram de grande prestígio a ponto de ter um de seus trabalhos citados no famoso Principia Mathematica (1687), de Isaac Neewton.

A curadoria é da chefe de Divisão de Obras Raras da Fundação, Ana Virgínia, junto com a pesquisadora da área de ciência e tecnologia do MAST, Heloisa Gesteira.

"Olhares do Céu nos Livros Raros"

09 Nov
a
11 Jan

  • de 09/11 a 11/01
    • Terças, Quartas, Quintas e Sextas das 10:00 às 17:00

Avenida Simão Bolívar - Jazz na Avenida
Avenida Simon Bolívar, s/n Armação Salvador - BA
Catraca Livre
add Google Agenda