A exposição Pratt Prints/horizontes gráfico apresenta os trabalhos realizados pelos professores-artistas e alunos do Pratt Institute, de Nova Iorque, na Galeria Prof. Vicente Di Grado, Galeria 13 e Galeria do Núcleo de Design. Os melhores trabalhos foram escolhidos pela Artista Plástica Sheila Goloborotko em conjunto com os docentes do curso de Fine Arts , e reunidos  com as obras dos professores gravuristas.

A história da exposição Pratt Prints começou em 2007, quando Eduardo Besen, um dos mais importantes galeristas dedicados à gravura e dono da Gravura Brasileira, concebeu a exposição Gravadores Brasileiros Contemporâneos e a levou para os Estados Unidos – exatamente no Pratt Institute. Professores do curso de Artes Visuais do Belas Artes foram selecionados e participaram desta exposição, que estabeleceu o primeiro contato entre a instituição brasileira e a norte-americana, já que o Belas Artes também foi um dos patrocinadores do catálogo.

Em 2008, a professora do curso de Artes Visuais, Helena Freddi, reuniu-se com o professor Augusto Sampaio, também do curso, e com o próprio Eduardo Besen para formar o júri que selecionou os melhores trabalhos dos alunos da instituição. Além disso, todos os professores gravuristas apresentaram obras próprias que, reunidas, resultaram na exposição PRINTed: Horizontes Gráficos, que abriu no mês de outubro no Pratt Institute. A participação de Sheila Goloborotko neste processo de intercâmbio foi essencial para a concretização da ação, que obteve imenso sucesso.

Exposição de Obras de Arte