A vida e a obra da escritora Cora Coralina são exaltadas nessa exposição em homenagem aos 120 anos de seu nascimento pelo olhar da artista plástica Rita Agueira.

Apesar de se tornar conhecida pelo público somente depois dos seus 70 anos, Cora Coralina já escrevia seus contos e poemas desde a adolescência, construindo uma significativa obra poética ancorada em fatos de sua infância, juventude e de sua cidade natal, para onde escolheu retornar após um exílio voluntário de mais de 40 anos.

A exposição integra dez aquarelas com referências a paisagens goianas, um grande tacho de cobre repleto de poesias manuscritas – referência à profissão de doceira da poeta –, uma instalação com três vestidos – referências a Cora criança, adulta e idosa – e três painéis inspirados em seus poemas.

Cora Coração