A famosa tragédia grega de Sófocles em que Édipo, sem saber, mata o próprio pai e casa com a própria mãe chega ao Espaço Sesc no dia 8 de novembro com elenco formado, entre outros, por Eliane GiardiniGustavo Gasparani, Amir Haddad e Rogério Fróes

Divulgação

Créditos: Divulgação

No século XIX, o mito foi utilizado por Freud para falar do amor dos filhos para com os pais durante a infância

Ao som de tambores, a clássica história trágica do rei de Tebas é recriada nos dias de hoje numa versão popular, com linguagem acessível e atual. Há muito este texto encantou Eduardo Wotzik e Gustavo Gasparani. "Édipo tornou-se a mais perfeita de todas as tragédias gregas e seu singular poder não se apagou depois de vinte e cinco séculos. Sófocles transformou-a num instante crucial do teatro, num momento decisivo do drama, e, provavelmente, na melhor peça de todos os tempos", diz WotzikJuntos desenvolveram pesquisas e realizaram, em 2008, uma leitura dramatizada do texto, até que Gustavo criou a empresa Coisas Nossas para produzir o espetáculo.

Édipo Rei

08 Nov
a
23 Dez

  • de 08/11 a 23/12
    • Domingos às 19:30
    • Quintas, Sextas e Sábados às 21:00

Avenida Simão Bolívar - Jazz na Avenida
Avenida Simon Bolívar, s/n Armação Salvador - BA
R$ 20
Meia R$ 10, R$ 5 para associados