No espetáculo especial para crianças, o grupo Mawaca se apresenta no Museu da Casa Brasileira e traz canções próprias que se transformaram no tema do livro “De todos os cantos do mundo”, título homônimo da apresentação. O show é um convite para abrir a cabeça, o coração e os ouvidos a sons vindos de vários países do mundo, como Irlanda, Japão, México, França, Portugal, Bulgária, Brasil e Israel.

divulgaçãoMawaca
Mawaca

No repertório, as canções e respectivas histórias: Zemer Atik (dança hebraica); The Star of Slane (balada de rua irlandesa); Hotaru Koi (canção infantil japonesa); Koi txangaré (canto de guerra dos índios Suruí); Allunde, Alluyá (oração ao Sol africana); Frère Jacques (cantiga de acordar); Bre Petrunko – horo (dança búlgara); Eh Boi! (coco-de-zambê brasileiro, norte); Arenita Azul (huapango deo México, Oaxaca); Çarandilhera (cantiga de Portugal, Miranda D´Ouro); D´oú viens-tu Bèrgere (cantiga de Natal francesa); Murucututu (cantiga de ninar brasileira).

Com uma proposta multicultural, em que a diversidade é a viga mestra, o Mawaca foi considerado a revelação da world music made in Brazil em 1999 pelo crítico Jean Yves Neufville. Tem 5 CDs lançados pelo selo independente Ethos Music e é liderado pela pesquisadora, compositora, arranjadora, produtora e cantora Magda Pucci, também pós-graduanda em Antropologia pela PUC-SP.

Mawaca