Ela negra ou é branca? É homem ou é mulher? Estas questões são presentes no cotidiano da jovem Maria Madalena. Dentro de sua informalidade e diante das suas condições de corpo e comportamento. Monólogo de Ana Paula dos Santos Risos. Direção: William Simplício. Textos de: Raquel Almeida, Maria Tereza, Elizandra Souza, Lila Barbosa, Gege e Ana Paula dos Santos Risos.

Fonte: Agenda da Periferia

Monólogo: A informal