O TUSP reúne trabalhos universitários, trazendo-os para fora do campo restrito da pesquisa acadêmica ou escolar.

Peça escrita em 1931, pelo espanhol Federico Garcia Lorca. Uma paródia dos melodramas familiares, o espetáculo é composto por atos construídos em forma de disputas poéticas, com ritmos e rimas, escrita motivada pela saturação do divertimento-destrutivo-modernista e a insatisfação como desgaste da linguagem poética. Direção de Celso Correia Lopes e produção do Núcleo 40 de Teatro da Fundação das Artes.

Mostra Experimentos 2009