Exposição de série que apresenta compartimentos que guardam preciosidades, pequenos objetos que se tem apreço, assim como relíquias. São objetos banais, de uso cotidiano, ínfimos, mas que na sua ausência tornam as tarefas difíceis ou impossíveis.Ressalta-se assim, o valor das pequenas coisas e também de pequenos gestos esquecidos pelo ritmo acelerado em que se vive hoje. Obras de Roseli Nery.

Relicários