O projeto DITO ERUDITO pretende aproximar o público da música erudita e desmistificar a noção de que ela é difícil de entender. A ideia é contribuir para a ampliação do universo musical das pessoas, além de formar e informar o público sobre esse gênero musical.

Formado por Ana Cristina Rossetto (flautas doces), Maríilia Macedo (flautas doces) e Terezinha Saghaard (cravo), o Trio Terpsícore apresenta um programa relacionado à figura feminina. Serão executadas obras compostas por mulheres em épocas distintas (séculos XI / XII e XIX / XX), bem como composições que homenageiam mulheres por meio de seus nomes. O trio utiliza cópias de instrumentos de época, unindo a interessante sonoridade do cravo à das flautas doces, em seus vários exemplares graves e agudos.

No repertório estão: Peças Sacras de Hildegard von Bingen (1098 - 1179); Erasmus Widmann (1572  1634) com Suítes de Danças: Johanna, Anna, Clara, Maria, Euphrosina e Sophia; François Couperin (1668  1733):"Les Graces incomparables, ou la Conti"; Georg Philipp Telemann (1681-1767): Grave/Vivace, Andante, Xantippe, Lucretia, Corinna, Clélia e Dido; Chiquinha Gonzaga (1847 - 1935): Lua Branca, Corta jaca e Anita.

Apresentação do Trio Terpsícore