Sob a direção geral de Zé Celso e patrocínio da Petrobras, o Teatro Oficina lança “Os Sertões”. A Cia Oficina dedicou mais de sete anos a obra de Euclides da Cunha. O registro resultou em 810 horas de gravação, que totalizou cinco filmes que serão exibidos de 27 de setembro a 1º de outubro de graça no Cine Livraria Cultura, no Conjunto Nacional.

Leia Mais

Baixe Os Sertões, de Euclides da Cunha

Cada uma das cinco partes da histórias foram registradas por profissionais de direção e diretores de fotografia diferentes: “A Terra”, por Tommy Pietra, “O Homem I”, por Fernando Coimbra, “O Homem II”, por Marcelo Drummond e Gabriel Fernandes, “A Luta I”, por Elaine César e “A Luta II”, por Eryk Rocha e Pedro Paulo Rocha.

Todas as cenas foram filmadas por 11 câmeras móveis durante as apresentações das peças, em 2007. No entanto, o espectador não se sentirá no teatro, uma vez que o filme cria uma nova linguagem cinematográfica ancorada nas ferramentas do Oficina que foram transportadas para as telas.

Por isso, a montagem de “Os Sertões” uma "trans-versão" da obra teatral, já que os espetáculos são também adaptações do livro.

Os Sertões

27 Set
Catraca Livre
add Google Agenda