Segundo dados divulgados pela Organização Mundial da Saúde (OMS), estima-se que existem no Brasil mais de 30 milhões de animais abandonados, entre 10 milhões de gatos e 20 milhões de cães.

Para evitar que esse número aumente, diversas organizações fazem a sua parte divulgando campanhas de conscientização, cuidando ou resgatando animais.

É o caso da ONG Cão Leal, fundada há sete anos em uma casa na zona norte de São Paulo, cuja especialidade é resgatar e recuperar animais que foram maltratados ou correm risco de morrer.

ONG Cão Leal

Créditos: ONG Cão Leal

O labrador Gabriel foi resgatado pela ONG e espera ser adotado

"Nosso objetivo é ajudar animais em risco iminente de vida", explica o fundador Rafael Leal, cujo sobrenome batizou a ONG. "Não consigo fingir que não enxergo a necessidade de ajudar cães que muitas vezes são covardemente agredidos, abandonados e negligenciados".

Seu primeiro resgate foi feito há sete anos, quando encontrou Negão na rua, cão que está com Rafael até hoje. O número de animais resgatados foi aumentando, até o dia em que ele percebeu que tinha virado referência em proteção animal na sua região. "Viu um cachorro na rua? Era só ligar pro Rafael", brinca.

Depois desses primeiros resgates veio a ideia de fazer algo maior e surgiu a ONG Cão Leal, um pequeno abrigo próximo ao metrô Tucuruvi que acomoda atualmente 17 animais.

Uma das histórias mais recentes divulgadas na fanpage da ONG é a de Sarah, uma pequena vira-lata que teve parte do seu corpo queimado. A cachorra foi queimada após o namorado de sua dona, uma usuária de drogas, colocar fogo no barraco em que moravam depois de uma briga.

A usuária de drogas procurou uma protetora de animais e o ocorrido acabou chegando ao conhecimento de Rafael, que logo se propôs a recuperá-la.

ONG Cão Leal

Créditos: ONG Cão Leal

Sarah após ter sido resgatada

ONG Cão Leal

Créditos: ONG Cão Leal

Quadro de Sarah continua crítico

No entanto, cuidar de animais debilitados sai bastante caro, e a ONG só consegue realizar seu trabalho por meio de doações. Além de Sarah, muitos outros cães e gatos são resgatados das ruas. Para se ter uma ideia, só na clínica veterinária que cuida dos animais resgatados a dívida passa de R$ 7 mil.

Quer ajudar Rafael a continuar ajudando animais abandonados? Ajude neste link ou faça sua doação na conta abaixo:

Banco Itaú
Ag: 0384
Cc: 57972-8
Rafael Leal Bueno
CPF: 370463768-83

Veja imagens de outros animais que foram resgatados pela ONG:

1/5

Crédito da imagem: ONG Cão Leal

Animais resgatados pela ONG Cão Leal

2/5

 

Animais resgatados pela ONG Cão Leal

3/5

Crédito da imagem: ONG Cão Leal

Animais resgatados pela ONG Cão Leal

4/5

Crédito da imagem: ONG Cão Leal

Animais resgatados pela ONG Cão Leal

5/5

Crédito da imagem: ONG Cão Leal

Animais resgatados pela ONG Cão Leal

  • Crédito da imagem: ONG Cão Leal

    ONG Cão Leal

    1/5

    Animais resgatados pela ONG Cão Leal

  •  

    2/5

    Animais resgatados pela ONG Cão Leal

  • Crédito da imagem: ONG Cão Leal

    ONG Cão Leal

    3/5

    Animais resgatados pela ONG Cão Leal

  • Crédito da imagem: ONG Cão Leal

    ONG Cão Leal

    4/5

    Animais resgatados pela ONG Cão Leal

  • Crédito da imagem: ONG Cão Leal

    ONG Cão Leal

    5/5

    Animais resgatados pela ONG Cão Leal

Imagem Autor

Repórter no Catraca Livre nas editorias Urbanidade e Mundo Animal.

+ posts do autor