Créditos: Reprodução/Instagram

Paolla Oliveira teve imagens vazadas

Depois dos boatos de que Paolla Oliveira teria perdoado o responsável por vazar suas fotos íntimas nas plataformas digitais, a atriz desmentiu os fatos e afirmou que “não houve perdão”.

A declaração foi dada pela própria artista na tarde desta quarta-feira, 16, nos estúdios Globo, durante entrevista com a imprensa para o lançamento da reprise de “Belíssima”.

“Não houve perdão. As pessoas falam o que elas querem. O processo continua correndo na Justiça. O que houve foi a possibilidade de haver dois processos”, explicou.

☀????

A post shared by Paolla Oliveira (@paollaoliveirareal) on

Selo Facilite

“São dois processos. A casa [Globo] corre com um conjunto comigo, que continua, e o segundo usando profissionais especializados para falar sobre assuntos femininos. O processo segue e esses profissionais continuam tocando tanto outros assuntos que tantas mulheres precisam”, detalhou.

“Seriam dois processos que falariam da mesma coisa. A casa e eu continuamos com um em conjunto”, finalizou Oliveira.

Bom dia ????

A post shared by Paolla Oliveira (@paollaoliveirareal) on

Leia tambémComo descobrir se seus nudes vazaram e tirá-los do Google

ENTENDA

Em março, um cinegrafista vazou nas redes sociais imagens íntimas de Paolla Oliveira nos bastidores da minissérie “Assédio”, em São Paulo. Desde então, a atriz, em conjunto com a Globo, move processo contra o responsável pelos vazamentos.

Na ocasião, a artista desabafou sobre o episódio e declarou. "Em um ambiente controlado, fechado e profissional, um criminoso resolveu fazer fotos clandestinas de um momento mais sensual da série e divulgar em redes sociais. O que para mim é trabalho se transformou em oportunidade para alguém tentar tirar vantagens. O que esta pessoa ganhou com isso?", questionou a atriz.

ATÉ QUANDO? Até quando a invasão da privacidade de um ser humano, o desrespeito a um ambiente de trabalho e a atitude desonesta de trair a confiança de colegas de trabalho serão tratados como um ato de esperteza em nossa sociedade? Esta é a pergunta que me faço e gostaria de compartilhar com todos. Sou atriz e estou trabalhando em uma série que se chama Assédio, uma produção da Globo com a O2Filmes. Em um ambiente controlado, fechado e profissional, um criminoso (não há outra palavra que o defina - pois o que foi feito é crime) resolveu fazer fotos clandestinas de um momento mais sensual da série e divulgar em redes sociais. O que para mim é trabalho se transformou em oportunidade para alguém tentar tirar vantagens. O que esta pessoa ganhou com isso? Dinheiro, fama, cliques, likes, popularidade? Pouco importa. Pois o que ele (ou ela) fez para obter isso é crime previsto na lei. Em um momento em que todos estamos buscando uma sociedade mais correta, não há mais espaço para considerarmos esperteza o que é um desrespeito. As autoridades já foram acionadas para que esta atitude seja punida exemplarmente, e qualquer pessoa possa trabalhar dignamente, sem correr o risco de ter a sua intimidade exposta, explorada, desrespeitada por invasores, covardes e criminosos. #AteQuando

A post shared by Paolla Oliveira (@paollaoliveirareal) on

Leia também:

Cinegrafista que vazou fotos de Paolla Oliveira não será preso