Com pelo menos duas grandes enchentes por ano, Bangladesh costuma ver suas construções serem destruídas pela água. Para contornar o problema, o grupo Shidhulai Swanirvar Sangstha começou a investir em casas, hospitais e escolas flutuantes.

Para impedir que os estudos sejam afetados pelas enchentes, escola flutuante vai até a casa dos alunos durante o período de maré alta, se transformando em um misto de ônibus escolar e escola. Cada unidade possui biblioteca, internet e um laptop.

Veja galeria com fotos das escolas flutuantes de Bangladesh.