Como esquecer o suposto caso de sequestro da youtuber britânica Marina Joyce? Foram dias de investigações entre os internautas, em que posts, vídeos e imagens foram minuciosamente analisados. Depois da polícia ter sido acionada, a mãe da jovem desmentiu todas as teorias criadas pelos fãs.

Alguns afirmaram que a ajuda que ela precisava, na verdade, era de um centro de reabilitação por causa de um sério problema com drogas. Marina também negou essa afirmação.

Mas as bizarrices não acabaram por aí. Neste domingo, dia 7 de agosto, ela escreveu um texto em sua conta do Facebook explicando o porquê de ter publicado em sua conta do Twitter que quer ser chamada de Deusa Marina e ser uma Deusa tipo Buddha.

marinajoyce

Créditos: Reprodução/Twitter

 

marinajoyce1

Créditos: Reprodução/Twitter

 

De acordo com a youtuber, ela descobriu segredos sobre a vida após a morte. Explicou que quer ser chamada de Deusa porque um dia ela vai criar um templo - no Peru, de preferência - onde pretende ajudar pessoas de maneira espiritual.

Além disso, Marina pediu que seus fãs deixassem comentários com dicas e conselhos sobre como construir o templo. Sugeriu, também, que eles investissem dinheiro no projeto para ajudá-la com a construção.