Toda mulher da cidade de São Paulo pode fazer gratuitamente, no SUS (Sistema Único de Saúde), um exame que detecta a trombofilia, que é a tendência que a pessoa tem de sofrer uma trombose. As informações são do site Minha Vida.

Exame que detecta tendência a trombose e tratamento serão oferecidos pelo SUS

Créditos: Exame que detecta tendência a trombose e tratamento serão oferecidos pelo SUS

Exame que detecta tendência a trombose e tratamento serão oferecidos pelo SUS

A trombose é decorrente de problemas de coagulação sanguínea, geralmente nas pernas. Em casos graves, os coágulos podem evoluir para uma embolia pulmonar e levar à morte.

Os fatores de risco, segundo o site do dr. Drauzio Varella, são a propensão genética, uso de anticoncepcionais, idade avançada, colesterol alto, cirurgias e internações prolongadas, consumo de álcool, fumo e falta de movimentação das pernas.

O exame, assegurado pela lei nº 16.599, é feito a partir de uma amostra de sangue, que vai indicar se a paciente tem predisposição genética à doença. Com o resultado positivo, o médico irá analisar o histórico da paciente para avaliar as chances de a trombose ocorrer. O tratamento também será coberto pela rede pública de saúde.