Quantas pessoas andam pela cidade sem rumo, apenas esperando encontrar coisas inusitadas pelo caminho? O número de indivíduos que flanam pelas ruas de São Paulo é praticamente nulo. A maioria dos passantes apenas traça inconscientemente rotas pré-estabelecidas enquanto pensa apenas em seus destinos. É para tirar a apatia dessas pessoas que foi criado o Terrorismo Poético, movimento que reúne uma série de intervenções urbanas.

Criado pelo escritor, produtor e artista de rua MaicknucleaR, o Terrorismo Poético teve seu nome inspirado em um livro de Hakim Bey. Contudo, ao contrário do livro, a proposta não é que as pessoas façam algo apenas por fazer, mas sim que elas façam atos cênicos e performáticos que despertem questionamentos filosóficos, sociais e políticos sobre o cotidiano.

Como resultado, uma série de intervenções foi compilada em três vídeos que formam a trilogia Terrorismo Poético.  Segundo o criador, os vídeos trazem uma “abordagem incisiva e contundente à normalidade, com atos que provocam estranhamento da normatividade social e a ruptura da rotina através de intervenções de cunho poético e ações que propõe o uso reflexivo do espaço urbano.”  As ações são provocadoras e causam atuações que beiram o cômico, mas mantém a seriedade dos temas como ato de reflexão.

Confira abaixo o primeiro vídeo. Os outros podem ser vistos aqui e aqui.

"Terrorismo Poético 1, o Filme" from MaicknucleaR aka New Killah Mike on Vimeo.