Créditos: Reprodução

 Rogério 157 foi preso hoje no Rio

Rogério 157, chefe do tráfico da Rocinha, foi preso hoje por policiais civis no Rio de Janeiro, que tiraram selfies sorrindo ao lado do criminoso, e teve fotos de sua residência divulgas na web.

As foto são prints de um vídeo do jornal O Globo e mostram que Rogério vivia no luxo em meio a famosa a comunidade pobre carioca.

Entre os móveis inusitados uma geladeira que custa em torno de R$ 13 mil e uma TV 4K de 75 polegadas ( o valor pode chegar a R$ 37 mil).

O valor dos objetos contrasta com as demais residências do local.

A prisão

Rogério Avelino da Silva, o Rogério 157, é um dos chefes do tráfico da Rocinha. Ele foi capturado por dois policiais nesta quarta-feira, dia 6, no Arará, zona norte do Rio de Janeiro. Segundo os agentes responsáveis, um da 12ª (Copabana) e outro da 13ª (Ipanema), o criminoso não resistiu à prisão.

De acordo com a polícia, havia seguranças com Rogério quando ele foi localizado, mas eles fugiram com a chegada da equipe. Ele estava na casa de uma mulher na comunidade. O Disque Denúncia informou que, desde o início do ano, foram recebidas 434 denúncias com informações sobre o traficante durante operação que ocorre nas proximidades da comunidade da Mangueira.

Créditos: Reprodução/O Globo

O jornal 'O Globo' mostrou o interior da mansão de Rogério 157

Créditos: Reprodução/O Globo

O jornal 'O Globo' mostrou o interior da mansão de Rogério 157

Créditos: Reprodução/O Globo

O jornal 'O Globo' mostrou o interior da mansão de Rogério 157

Veja também: