O blog Novos Alunos, do SEB (Sistema Educacional Brasileiro), dá dicas para quem precisa comprar os materiais escolares do ano letivo de 2018. Alguns cuidados essenciais podem fazer toda a diferença na hora de escolher itens de qualidade e garantir os melhores preços.

Ao final das contas, uma mesma lista, com produtos idênticos, pode apresentar variações de preços consideradas não só expressivas, mas abusivas. Além da compra dos materiais, a organização e conservação são importantes. Sem o cuidado apropriado, um item da melhor qualidade pode ser danificado. Confira as dicas:

1. Verifique os itens que já possui

Alguns materiais podem ser reutilizados por semestres ou anos letivos seguidos. É o caso de tesouras, réguas, estojos, pincéis e outros itens de pintura em bom estado. Por isso, antes de sair às compras, separe tudo o já possui.

Créditos: iStock/JYJ

Dicas na hora de comprar os materiais de estudo

2. Adiante ou atrase as compras

A lei da oferta e da procura é cruel. Justamente por isso, no período de volta às aulas as lojas aumentam os preços e o custo de uma lista pode ser exorbitante. Para evitar o problema, uma opção é comprar itens bem antes ou após o início das aulas.

3. Pesquise antes de comprar

Os preços variam muito de uma loja para outra, e por isso a boa e velha pesquisa é um método eficiente de garantir o melhor preço. Talvez você pense que com a correria do trabalho é impossível fazer isso. Realmente, pesquisar em lojas físicas pode ser impraticável. Porém, hoje a internet oferece muitas opções para a comparação de preços e aquisição on-line.

4. Não se prenda a marcas

No universo dos materiais escolares, preço nem sempre significa qualidade. É possível encontrar produtos similares com valores discrepantes só porque a marca X tem um certo destaque no mercado. Portanto, fique atento a isso. Se tiver a opção, coloque em seu carrinho produtos equivalentes. Eles vão garantir uma diferença considerável na hora do caixa.

Continue lendo o artigo no site Novos Alunos.

Entenda os danos causados pelo uso de mochilas com muito peso