As inscrições para o Enem começaram na segunda-feira (7). Aproveitar esse embalo inicial para se engajar nos estudos é um caminho para alcançar uma boa nota em novembro. Fazer os exames anteriores, por exemplo, vai turbinar os seus estudos.

Créditos: iStock

Estude para o Enem com provas e gabaritos dos anos anteriores

Ao entrar em contato com os exames passados, o estudante conhece o conteúdo do exame e se familiariza com o padrão das questões. Essa prática serve para saber quais são os seus pontos fortes e o que terá que ser desenvolvido nos próximos meses de estudo.

No site do Inep (Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira) é possível consultar e baixar as edições passadas do Enem e também os respectivos gabaritos.

Segundo o Inep, Entre 1998 e 2008, as provas eram estruturadas a partir de 21 habilidades, avaliadas por três questões. De 2009 pra cá, as provas foram reestruturadas em quatro matrizes. Para baixar o conteúdo, clique aqui.

Selo Facilite

As inscrições para o Enem terminam no dia 18 deste mês. Para quem não é isento, a taxa de inscrição é de R$ 82. As provas serão realizadas em 4 e 11 de novembro.

O resultado individual do Enem pode ser usado para dar acesso ao ensino superior e ao financiamento estudantil.  Qualquer pessoa pode fazer o exame.

Matrizes de Referência

Créditos: Reprodução

Exame será realizado nos dias 4 e 11 de novembro

Segundo as Matrizes de Referência, o conteúdo das provas é fundamentado em quatro áreas do conhecimento:

  • Linguagens, códigos e suas tecnologias – Língua Portuguesa, Literatura, Língua Estrangeira (Inglês ou Espanhol), Artes, Educação Física, e Tecnologias da Informação e Comunicação.
  • Matemática e suas tecnologias.
  • Ciências da Natureza e suas tecnologias – Química, Física e Biologia.
  • Ciências Humanas e suas tecnologias – Geografia, História, Filosofia e Sociologia.
  • Leia também: 

Instituto oferece curso gratuito para o Enem