O Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) pode ser suspenso por conta de um pedido do Ministério Público Federal do Ceará (MPF-CE). O procurador da República, Oscar Costa Filho, pediu nesta quarta-feira, dia 2, a suspensão das provas prevista para sábado e domingo, dias 5 e 6 de novembro.

Segundo o procurador, o adiamento da prova para mais de 190 mil candidatos divulgado pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), por conta da ocupação nas escolas, fere o princípio da isonomia.

Curso

Créditos: Diego Redel

Decisão pode afetar todos os inscritos no exame nacional

Por causa da urgência, a ação deverá ser julgada até sexta, dia 4, véspera do início da seleção. O juiz Ricardo Cunha Porto, da 8ª Vara da Justiça Federal, no Ceará, vai analisar o pedido. Caso o resultado seja positivo, vai valer para todo o Brasil.

Confira aqui mais detalhes sobre a possibilidade de suspensão do Enem.